Menu

Dia Nacional do Livro Infantil: conheça ou relembre algumas das histórias mais marcantes da literatura brasileira

Nesta quinta-feira, 18 de abril, é comemorado o Dia Nacional do Livro Infantil, e a cultura brasileira está repleta de exemplos de ótimas obras literárias voltadas para os pequenos.

Pensando em inspirar as crianças a ler estas obras ou você, leitor nem tão mais pequeno assim, o SeteLagoas.com.br preparou uma lista com algumas histórias que fizeram parte do imaginário de várias gerações.

Confira a lista abaixo:

1 – Reinações de Narizinho (1931)

Reprodução internetReprodução internet

O livro Reinações de Narizinho foi escrito por Monteiro Lobato e serviu como base para toda a série literária Sítio do Picapau Amarelo, de grande sucesso no Brasil. A obra foi a responsável por popularizar personagens importantes na nossa cultura, como o Visconde de Sabugosa, Dona Benta e, como não poderia deixar de ser mencionado, Emília, a boneca de pano falante e bagunceira.

Reinações de Narizinho conta histórias curtas, tais como pequenos episódios de uma série, mas que não cessam em apresentar ao leitor divertidas histórias de fantasia.

2 – O Menino Maluquinho (1980)

Reprodução internetReprodução internet

A primeira edição do que viria a ser o grande sucesso d’O Menino Maluquinho foi publicada em 1980, pelo cartunista Ziraldo. O livro conta histórias bem humoradas das peripécias de um garoto de 10 anos que adora brincar e que usa uma panela na cabeça como se fosse um chapéu, sua marca registrada.

3 – Pluft, o Fantasminha (1955)

Reprodução internetReprodução internet

Originalmente criada como uma peça para o teatro infantil pela dramaturga Maria Clara Machado, essa história acabou por virar livro em 1955. O livro conta a história de uma menina que, quando raptada por um pirata e levada para um sótão de uma antiga casa, tem a oportunidade de fazer amizade com uma família de fantasmas, entre eles o que dá nome à obra.

4 – A Fada que Tinha Ideias (1976)

Reprodução internetReprodução internet

Essa é a história da fada Clara Luz, uma garotinha rebelde que não quer apenas aprender os feitiços já prontos e que todas as outras garotas aprendem por obrigação. Ela quer mais. Ela deseja criar sua própria magia. Nesse contexto, o livro escrito por Fernanda Lopes de Almeida, questiona de forma divertida as regras existentes, foge dos clichês dos contos de fadas e ensina que o cotidiano também pode ser atrativo.

5 – Turma da Mônica (1970)

Reprodução internetReprodução internet

As histórias da Mônica e sua turma são, na verdade, uma série publicada em quadrinhos. Fato que, apesar de não apresentar o modelo clássico dos livros, não interfere no prazer que a leitura proporciona na vida de quem a pratica.

A obra, criada por Maurício de Sousa, apresentou ao longo dos anos inúmeros personagens - que até hoje fazem parte da cultura popular e são frequentemente lembrados, como a personagem título, Cebolinha, Magali, entre tantos outros. Cada história é um conto diferente, que mostra como é ser criança, brincar e ter amigos.

 

Esses são apenas alguns exemplos entre uma infinidade de livros infantis que a literatura nacional possui. Todos eles contribuíram, de alguma forma, em maior ou menor grau, para a alfabetização de quem os leu, além de ter proporcionado momentos de descontração.

No mundo

Obras internacionais também fazem parte da leitura de nossas crianças. Abaixo estão algumas das mais importantes já criadas até hoje.

- O Pequeno Príncipe, escrito pelo francês Antoine de Saint-Exupéry, publicado em 1943;

- O Mágico de Oz, escrito por Frank Baum, publicado em 17 de maio de 1900;

- As Aventuras de Alice no País das Maravilhas, escrito por Lewis Carroll, publicado em 26 de novembro de 1865;

- A série As Crônicas de Nárnia, escrita por C.S. Lewis, publicada entre 1950 e 1956;

- A série Harry Potter, escrita por J.K. Rowling, lançada em 1997.

As opções existentes são diversas e para todos os gostos. Portanto, pegue um exemplar e comemore este dia lendo uma boa história!

Por Vinícius Augusto




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados