Menu

Motociclista acusa posto de combustível de Sete Lagoas de vender gasolina adulterada

Está correndo nas redes sociais um vídeo onde um homem acusa o Posto Tucunaré de vender gasolina com uma substância parecida com água.

Motociclista exibe gasolina misturada com outra substância - Foto: reproduçãoMotociclista exibe gasolina misturada com outra substância - Foto: reprodução

No vídeo, o homem diz que abasteceu R$43 em gasolina, e percebeu que ela estava estranha: "Meu motor estava em tempo de estourar", diz. O motociclista encheu uma garrafa PET com a substância, e já estava na segunda garrafa.

Entramos em contato com o posto, que já acionou advogados para rebater o vídeo. A gerência do posto vê a ação como calúnia, já que o local verifica sempre a qualidade do combustível oferecido, com procedência comprovada.

Da redação




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados