Menu

Sete Lagoas > Notícias > Cidades

Feirinha do centro ganha 100 novas barracas e realiza apresentação do Causos e Violas

  • Categoria: Cidades
100 novas barracas de artesanato da feirinha do Centro começarão a funcionar a partir deste final de semana. A iniciativa foi viabilizada após um
investimento de R$ 33 mil da Prefeitura de Sete Lagoas e o governo estadual com o objetivo de “dar mais qualidade de atendimento aos consumidores”, conforme informações da assessoria de comunicação da prefeitura. A modernização atende a um anseio de oito anos dos artesãos e vai contar estruturas padronizadas com o apoio de cinco banheiros químicos. As barracas possuem dimensões de 1x1,20m, cobertura, lona anti-chamas e base de madeira. O convênio foi firmado via emenda parlamentar da deputada estadual Ana Maria Resende.
Quem comparecer ao avento, poderá apreciar a apresentação do “Causos e Violas”, com o músico Wilson Dias, que é realizado por meio da parceria da administração municipal e o Sesc Minas Gerais.  O evento acontece neste sábado dia 29 à partir das 20h, na Feira de Artesanato e Gastronomia, localizada na praça Dom Carlos Carmelo Motta, no Centro, às margens da Lagoa Paulino. A entrada é gratuita.


da redação com informações da SECOM/Prefeitura de Sete Lagoas

ACISEL discute resgate da Agência de Desenvolvimento de Sete Lagoas

  • Categoria: Cidades
O presidente da Associação Comercial e Industrial de Sete Lagoas (ACISEL), Eduardo Rocholi, seus diretores, representantes do Centro Universitário de Sete Lagoas (UNIFEMM) e o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Eder Bolson, discutiram o resgate da Agência de Desenvolvimento em Sete Lagoas. O encontro foi realizado nessa terça-feira, e segundo informações da Acisel, a proposta de resgate da Agência de Desenvolvimento deverá ser formada por meio de um convênio a ser firmado entre várias entidades envolvidas no processo de gestão. “A medida terá como finalidade dar encaminhamento às iniciativas empresariais e aos interesses de Sete Lagoas juntamente com a política de desenvolvimento do município”, informa a empresa.
Entre os mecanismos que serão usados para o desenvolvimento municipal, esta a Incubadora de Empresas UNIFEMM, que cumprirá o papel de ser uma aceleradora de negócios.  Ainda de acordo com informações da Acisel “a incubadora oferece o ambiente propício para o sucesso, através de: custos subsidiados, orientação estratégica, mercadológica, técnica e administrativa, além da promoção e divulgação institucional”.
Ainda de acordo com a Acisel, os próximos passos da empresa e de seus parceiros serão o resgate dos registros históricos ligados ao funcionamento da Agência de Desenvolvimento, a identificação de modelos de sucesso em outros municípios e a articulação com entidades municipais e estaduais, para formação de convênio que formalize as atividades da futura agência.
 
da redação com informações da Acisel

Links patrocinados