Menu

'Minas ao Luar' retorna a Sete Lagoas no dia 13 de junho

O projeto de valorização da música brasileira "Minas ao Luar", do Sesc, retorna a Sete Lagoas no feriado do padroeiro da cidade Santo Antônio, no dia 13 de junho. O evento geralmente é realizado no Dia dos Namorados, 12 de junho; a mudança de data se deu em decorrência do show da cantora Paula Fernandes nesse dia.

Foto: Reprodução/InternetFoto: Reprodução/Internet

As artrações serão o Clube do Samba e do Choro de Sete Lagoas e o grupo de forró Chama Chuva. O evento será realizado na Praça Dom Carlos Carmelo Mota (Praça da Feirinha), a partir das 20h, com acesso gratuito.

Sobre as atrações

Chama Chuva

Com 20 anos de estrada, o Chama Chuva começou sua trajetória musical emplacando grandes sucessos, logo em seu primeiro álbum: Samarina, Cativeiro coração, Esse bicho mata, Um pouquinho de você e A novidade são músicas que fazem sucesso até hoje. Com o sucesso imediato, surgiram os convites para turnês dentro e fora do Brasil. Em 2004, o grupo se apresentou em Nova Iorque e Orlando, nos Estados Unidos. Mais tarde, em 2010, o Chama Chuva embarcou para a Europa, tocando na Inglaterra, Irlanda, Suíça e Portugal.

Desde sua criação, o grupo gravou nove CDs e um DVD, tendo parceiras com nomes como Gilberto Gil, Herbert Viana e Dominguinhos. O Chama Chuva é formado por Karenn Fontes (vocal e triângulo), Dil Brasil (voz e zabumba/percussão), Léo Magalhães (voz e acordeon) e Rodrigo Caixeta (voz e baixo), além dos músicos de apoio.

Clube do Choro e Samba de Sete Lagoas

Idealizado por amantes da música brasileira de raiz, o Clube do Choro e Samba de Sete Lagoas foi fundado em outubro de 2016. Desde então, o grupo vem promovendo encontros que celebram a boa música brasileira, nos dois gêneros musicais: choro e samba. O objetivo de seus criadores é preservar, promover, compartilhar, divulgar e estimular a prática dos dois gêneros.

Nesta edição do Minas ao Luar, o Clube do Choro e Samba de Sete Lagoas vai se apresentar com Wanderlei Guedes Silva (violão de sete cordas), Vinícius Juliano (cavaquinho), Celso Soares Passos (pandeiro), Dilson Barbosa e Wander Conceição (violão e voz), Wilsa Honorato e Simone Costa (vocais), Claudisson Luzia (violão e teclados) e Carlos Conceição (percussão).

A realização é do Sesc Minas, com apoio da Globo Minas, Prefeitura de Sete Lagoas e Sindcomércio Sete Lagoas.

Minas ao Luar

O Minas ao Luar é um projeto do Sesc de valorização da música brasileira e das culturas populares tradicionais que, por meio de apresentações artísticas gratuitas e de qualidade, para toda a família, promove o diálogo e intercâmbio com as manifestações culturais tradicionais locais e as leituras contemporâneas.

Atualizado em 5 de junho de 2019, às 9h35.

Da Redação




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados