Menu

Demais atacantes de Cruzeiro e Galo chegam ao clássico com fraco desempenho

A debilitada situação ofensiva dos ataques de Cruzeiro e Atlético não se restringe apenas a Fred e Ricardo Oliveira. Eles, mesmo não tendo o poderio de antes, seguem como os artilheiros da temporada. O camisa 9 celeste marcou 21 gols, enquanto o alvinegro fez 14.

David e Geuvânio são os dois atacantes com o maior jejum em Cruzeiro e Atlético | Foto: Vinnicius Silva / Cruzeiro / Bruno Cantini / Atlético / Montagem Super FCDavid e Geuvânio são os dois atacantes com o maior jejum em Cruzeiro e Atlético | Foto: Vinnicius Silva / Cruzeiro / Bruno Cantini / Atlético / Montagem Super FC

Os atacantes de apoio dos dois times andam longe do rendimento esperando, com alguns nomes ostentando um jejum de gols de mais de 30 partidas. São os casos de David, com 38 jogos sem marcar, e Geuvânio, com 32. Ambos balançaram as redes pela última vez no Campeonato Mineiro.

Às vésperas do clássico, o ataque dos dois times é bastante similar no número de gols marcados no Brasileirão. Com o quarto pior ataque do torneio nacional, o Cruzeiro viu apenas 10 dos seus 26 gols serem marcados por atacantes, o último por Sassá no empate em 1 a 1 com o Bahia, no Mineirão. Suspenso, o camisa 99 é desfalque no domingo. Do lado alvinegro do clássico, 12 dos 38 gols do Galo, dono do 6º melhor ataque do Brasileirão, foram marcados por atacantes. Meias, Nathan e Cazares são artilheiros, com quatro gols cada.

Observação: Super.FC listou os jogadores que estão incluídos nas relações dos dois times como atacantes.

OS DEMAIS ATACANTES

CRUZEIRO

JOEL

1 jogo
0 gols

DAVID

43 jogos
3 gols no Campeonato Mineiro
- Último gol na vitória sobre o Caldense por 3 a 0, pelo Campeonato Mineiro
- 38 jogos sem balançar as redes

EZEQUIEL

7 jogos
0 gols

SASSÁ

33 jogos
6 gols marcados
2 na Libertadores
3 no Brasileirão
1 no Campeonato Mineiro
- Último gol no empate com o Bahia por 1 a 1, no dia 3 de novembro, pela 30ª rodada do Brasileirão

PEDRO ROCHA

27 jogos
4 gols
2 no Brasileirão
2 na Copa do Brasil
- Último gol no empate com o Avaí por 2 a 2, no dia 11 de agosto, pela 14ª rodada do Brasileirão
- 8 jogos sem balançar as redes
- Lesionado desde a 25ª rodada do Brasileirão

VINÍCIUS POPÓ

5 jogos
0 gols

WELINTON

1 jogo
0 gols

ATLÉTICO

DI SANTO

16 jogos
3 gols marcados
2 gols no Brasileirão
1 na Sul-Americana
- Último gol na derrota para o Grêmio por 4 a 1, no dia 13 de outubro
- 6 jogos sem marcar

ALERRANDRO

29 jogos
13 gols marcados
2 gols no Brasileirão
1 gols na Sul-Americana
8 gols no Campeonato Mineiro
2 Copa Libertadores
- Último gol no empate com o São Paulo por 1 a 1, no dia 13 de junho, pela nona rodada do Brasileirão
- Desde então entrou em 10 partidas das últimas 27 do Galo em 2019

MAICON BOLT

26 jogos
2 gols marcados
1 no Campeonato Mineiro
1 na Copa Libertadores
- Último gol na vitória sobre o Zamora por 3 a 2, no dia 3 de abril, pela fase de grupos da Copa Libertadores
- 17 jogos sem balançar as redes

CHARÁ

46 jogos
9 gols marcados
3 na Sul-Americana
3 no Brasileirão
2 na Copa do Brasil
1 no Campeonato Mineiro
- Último gol na vitória sobre o Colón por 2 a 1, no dia 26 de setembro, pela jogo de volta da semifinal da Copa Sul-Americana

GEUVÂNIO

34 jogos
1 gol
1 no Campeonato Mineiro
- Último gol na vitória sobre o Boa Esporte por 5 a 0, no dia 7 de abril, pela semifinal do Campeonato Mineiro
- 32 jogos sem balançar as redes

LUAN

49 jogos
5 gols
1 na Libertadores
3 no Brasileirão
1 no Campeonato Mineiro
- Último gol na vitória sobre o Santos por 2 a 0, no dia 20 de outubro, pela 27ª rodada do Brasileirão
- 4 jogos sem balançar as redes

NÚMEROS OFENSIVOS DOS RIVAIS NO BRASILEIRÃO

Atlético - 38 gols marcados, sexto melhor ataque do Brasileirão 2019

Cazares - artilheiro - 4 gols
Nathan - artilheiro - 4 gols
Fábio Santos - 3 gols
Luan - 3 gols
Chará - 3 gols
Otero - 2 gols
Alerrandro - 2 gols
Bruninho - 2 gols
Di Santo - 2 gols
Vina - 2 gols
Ricardo Oliveira - 2 gols
Léo Silva - 1 gol
Réver - 1 gol
Elias - 1 gol
Adilson - 1 gol
Patric - 1 gol
Jair - 1 gol
Maidana - 1 gol
Marquinhos - 1 gol
1 gol contra - Juninho - Fortaleza
12 gols do ataque do Atlético em 38 marcados

Cruzeiro - 26 gols marcados, quinto pior ataque do Brasileirão 2019

Thiago Neves - artilheiro - 6 gols
Fred - 5 gols
Dedé - 3 gols
Sassá - 3 gols
Éderson - 2 gols
Pedro Rocha - 2 gols
Robinho - 1 gol
Rodriguinho - 1 gol
Orejuela - 1 gol
Cacá - 1 gol
Maurício - 1 gol
10 gols do ataque do Cruzeiro em 26 marcados

Com Super Notícia




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados