Menu

Sete Lagoas > Notícias > Esportes

Cruzeiro ganha do Figueirense em Floripa

  • Categoria: Esportes

Após a vitória por 4 x 3 sobre o Figueirense, neste domingo, o técnico Adilson Batista disse que o Cruzeiro cumpriu a meta a que tinha se proposto graças a muita luta do time em Florianópolis. O comandante celeste admitiu que o time esbarrou em alguns erros, mas que soube passar por cima deles para continuar na disputa pelo título do Campeonato Brasileiro.

"O Cruzeiro poderia ter saído com um placar melhor no primeiro tempo. Nós tivemos algumas oportunidades e acredito que estávamos um pouco recuados, inteligentemente por em função de algumas circunstâncias do jogo. Mas deixamos de marcar, principalmente nas laterais, e tentamos corrigir no intervalo. Acabamos sofrendo a virada e depois tivemos a felicidade de fazer os gols. Parabenizo os jogadores pela dedicação", analisou.

Adilson citou como exemplo o posicionamento da defesa no segundo gol do Figueirense, aos 36 minutos do primeiro tempo. Ramon cabeceou na área e Cleiton Xavier pegou o rebote de Fábio para fazer 2 x 2.

"Você pode às vezes ter um pouco de dificuldade. Marcamos errado e alguns foram sobrecarregados. Tiraram muito o Thiago (Ribeiro) da área e pedi o Jonathan para encurtar. No gol de cabeça (o segundo do Figueirense) não era para o zagueiro estar fora da área. São detalhezinhos que acontecem. O segundo tempo já foi melhor, nós marcamos bem e fomos merecedores", observou.

O treinador gostou do comportamento da dupla de ataque neste domingo. Guilherme marcou dois gols e Thiago Ribeiro fez o primeiro pelo Cruzeiro. Adilson ressaltou que ambos encontraram uma marcação forte pela frente e souberam superá-la.

"São dois jogadores interessantes que foram bem marcados. O Figueirense marcou forte, foi difícil sair da marcação. Mesmo assim tivemos desde o primeiro tempo o Wagner e o Guilherme passando a bola para o Thiago, que tem velocidade. Poderíamos ter saído com um resultado um pouco melhor, para dar uma tranqüilidade maior", disse.

 

Equipe de atletismo vence a Maratona de Pão de Açúcar de Revezamento

A equipe de atletismo do Cruzeiro foi a grande campeã da 16ª Maratona de Revezamento Pão de Açúcar, disputada neste domingo em São Paulo. O Clube repetiu os feitos de 2001, 2002 e 2007 e chegou em primeiro após cruzar a linha de chegada em 2h, 07 min e 00 seg, mais de dois minutos à frente da principal concorrente, a BM&F Pão de Açúcar.

 

O time correu, pela ordem, com João Ferreira de Lima (João da Bota), Marcos Alexandre Elias, Giomar Pereira da Silva, Cristiano da Silva Machado, Franck Caldeira, Luís Paulo da Silva Antunes, Luís Carlos Fernandes e Francisco Barbosa dos Santos (Chiquinho).

A equipe celeste também conquistou resultado expressivo na 3ª Corrida do Verde, em Campo Grande-MS. Paulo Vítor Lunkes ficou em segundo lugar, após percorrer os 10 km em 30 min e 23 seg.

O Clube ainda foi ao pódio na 2ª Maratona Internacional das Águas, promovida pelo SESC-PR, em Foz do Iguaçu-PR. José Pereira da Silva ficou em terceiro, com o tempo de 2h, 23 min e 12 seg.

 

Site Oficial do Cruzeiro

 

 

Links patrocinados