;
Menu

Servidores da Educação entram em greve a partir desta quarta-feira

A Confederação Nacional da Educação (CNTE) convoca a classe de ensino para aderir à greve nacional da educação que começa nesta quarta-feira (15). A paralisação, que tem tempo indeterminado, é pelo cumprimento do Piso Salarial Profissional Nacional e contra a Reforma da Previdência (PEC 287/16).

Greve da Educação por tempo indeterminado / Foto: sindutemuriae.blogspot.com.brGreve da Educação por tempo indeterminado / Foto: sindutemuriae.blogspot.com.br

Com o movimento da Educação, outras lideranças sindicais de vários estados estão aderindo a paralisação amanhã. Na capital mineira, diversos serviços, como Metrô e postos de saúde não funcionarão nesta quarta.

Em Sete Lagoas, até o momento, foi confirmada a paralisação e adesão à greve na Educação. A presidenta da Central Única dos Trabalhadores (CUT) Minas e coordenadora -geral do Sind-UTE/MG, Beatriz Cerqueira, diz, no site do sindicato, que a proposta amanhã é parar Minas Gerais em um grande protesto contra a Reforma da Previdência.


Da Redação



Publicidade

Comentários   

Washington Eloi Francisco
0 #1 Washington Eloi Francisco 15-03-2017 09:44
Aqui em Sete Lagoas só estou sabendo de parada, greve não vi nenhuma escola...
Citar

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar