Menu

Polícias usarão drones para monitorar rodovias de Minas durante o carnaval

Pela primeira vez, em caráter experimental, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Polícia Militar Rodoviária de Minas Gerais (PMRv) vão usar drones para monitorar as estradas nas operações de Carnaval. A intenção é que os equipamentos ajudem na fiscalização, monitorando ultrapassagens indevidas e extensão de congestionamentos, e na prevenção de acidentes.

Foto: Moises SilvaFoto: Moises Silva

“Ele faz praticamente o mesmo serviço que uma aeronave, mas é mais ágil, de fácil manuseio e custo baixo”, explicou o chefe do Núcleo de Comunicação Social da PRF, inspetor Aristides Júnior. Sem detalhar investimento, número de drones e rodovias onde eles serão usados durante a folia, o policial explicou que, a princípio, o experimento será em estradas da região metropolitana de Belo Horizonte.

O drone é capaz de voar por até 25 minutos, pode fotografar e filmar e será operado por um policial. “Neste ano, além do fluxo de saída do Estado, temos o fluxo de chegada, devido ao Carnaval de Belo Horizonte. Sempre pedimos que os motoristas tenham consciência e responsabilidade nas estradas. Nesta operação vamos contar com cerca de 950 policiais, em escalas de revezamento, 150 etilômetros e 22 radares”, frisou Júnior.

Foto: Polícia Militar/DivulgaçãoFoto: Polícia Militar/Divulgação

Da Redação




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados