Menu

Tarso Brant celebra a 'importância de se aceitar como é' em sua estreia na Parada do Orgulho LGBT em BH

O belo-horizontino Tarso Brant, de 26 anos, faz sua estreia na Parada do Orgulho LGBT da capital mineira, neste domingo (14), celebrando a “importância de se aceitar como é”. A primeira vez do ator trans no evento será ao lado da namorada, Mallu Artuso.

Foto: Reprodução/Internet/ Foto: Reprodução/Internet/

“Ela me incentivou a estar presente neste dia. Não sou muito de balada, de agito, mas vai ser interessante estar nesse lugar, sendo um porta-voz da empatia, do respeito. Vou mais pela causa do que pela curtição”, disse o artista.

O processo de se descobrir como homem trans começou como um incômodo que ele não sabia ao certo como nomear. Pouco antes de completar 20 anos, Tarso deu início ao processo de transição com tratamento hormonal. De lá para cá, segundo o ator, a sociedade está mais informada sobre as questões que envolvem a identidade de gênero.

“Era algo inexplorado, ninguém sabia que existia. As pessoas julgavam muito porque não conheciam essa outra possibilidade de vida. Depois de a novela ‘A Força do Querer’ explicar um pouco sobre o que a pessoa que vive isso sente, vejo que as pessoas estão acolhendo e julgando menos”, disse.

Em 2017, Tarso atuou na novela de Glória Perez, contracenando com Carol Duarte. Na trama, a atriz deu vida a Ivan, personagem que foi se descobrindo como homem trans ao longo da história, e Tarso fez o papel de um amigo dela. Até então, o ator se apresentava como Tereza, nome que trazia na certidão de nascimento.

“Eu tive essa paciência comigo, de encarar cada processo a seu tempo. Querendo ou não, quando você vai fazer uma mudança hormonal, são vários aspectos dessa mudança. Primeiramente, o psicológico, segundo, o físico e, o terceiro, unir os dois a sua rotina e relações interpessoais”, explicou.

No momento em que percebeu a necessidade de escolher um novo nome, Tarso procurou os pais, que sempre lhe deram apoio e amor. “Falei ‘Mãe, pai, podem dar um nome para essa pessoa que está aqui agora? Não é mais a pessoinha que nasceu. Eu mudei'”, relatou.

Tarso está focado na vida acadêmica, indo para o segundo período do curso de psicologia. O ator pretende trabalhar com pessoas como ele que ainda não tenham se encontrado e ajudá-las de alguma forma.

“Eu aproveitei as vivências como Tereza para me conhecer mais. A Tereza faz parte de mim. Ela me fez o homem que eu sou hoje”.

Com G1




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados