Menu

Vídeo: Vereadores do Parlamento Jovem tomaram posse nessa quarta-feira

Dezessete jovens estudantes assumiram, nesta quarta-feira (8), em Sessão Solene, o Parlamento Jovem, programa idealizado pelo presidente da Câmara Municipal de Sete Lagoas, Cláudio Caramelo (PRB), e apoiado por todos os vereadores da Casa Legislativa. A noite também foi de posse da Mesa Diretora.

Posse Parlamento Jovem/ Foto: Alan JunioPosse Parlamento Jovem/ Foto: Alan Junio

Foram eleitos Júlya Oliveira, para presidente; Maria Clara Cortes, 1ª vice-presidente; Mateus Santos, 2º vice-presidente; Clara Goulart, 1ª secretária; Lucas Macedo, 2º secretário. Os 17 jovens vereadores empossados terão a responsabilidade de propor e discutir projetos os quais poderão ser transformados em lei municipal. “Esse é um sonho sendo realizado. Estamos apostando no futuro da nossa política e estes jovens vereadores vêm mostrar um caminho bem consciente. Precisamos pensar no coletivo e debatermos ideias. São vários os obstáculos, mas estamos iniciando um caminho sem volta por acreditar na política”, disse o presidente Cláudio Caramelo.

A sessão foi marcada por intensa participação da comunidade escolar, além das presenças dos vereadores Renato Gomes (PV), Gilson Liboreiro (PHS), Milton Martins (PSC), Gislene Inocência (PSD), Euro Andrade (PP) e Zé do União (PSL), além do presidente da Casa, Cláudio Caramelo. Os jovens vereadores fizeram juramento de posse e foram empossados conforme regimento estabelecido.

A grande participação feminina chamou atenção dos parlamentares presentes. Dos 17 eleitos de nove escolas públicas e particulares, oito são mulheres, incluindo a presidente e a vice. “Fiquei maravilhado pelo grande número de mulheres. Vocês estão mostrando para nós que essa participação pode ser realidade. Tenho certeza que vocês farão o trabalho bem feito, porque o futuro próximo na política é de vocês”, disse o vereador Milton Martins. Gilson Liboreiro disse acreditar em um mundo melhor, com mais cidadania. “Nada melhor que essa Casa trazer os jovens para cá. Há descrença em um país melhor, mas nós temos que acreditar”, afirmou.

O vereador Renato Gomes parabenizou a coragem dos participantes: “não desanimem com os obstáculos que virão. Cada desafio é um incentivo para vocês alcançarem seus objetivos. Sucesso”. Euro Andrade ressaltou as noções de cidadania que os jovens começam a ter com maior efetividade. “Eu nunca pensei em ser político, mas fui incentivado. Nós vamos dar maiores condições a vocês na nova Câmara, então será maravilhoso. Parabéns pelo trabalho, a toda equipe envolvida”, disse. “É uma noite inesquecível. A iniciativa da Câmara de criar esse projeto e envolver o jovem na política é muito importante. Parabéns a todos que iniciaram esse projeto”, aplaudiu o vereador Zé do União.

Já Gislene Inocência se disse orgulhosa do número de mulheres participantes. “Na Câmara de adultos somos só duas e, na de jovens, são oito. Parabéns pela mudança. Queremos ocupar nosso lugar de direito e vocês já começaram por aí, parabéns!”.

Entusiasmo

Os jovens vereadores irão se reunir uma vez por mês no plenário da Câmara Municipal, com transmissão ao vivo pela TV Câmara e pelo Facebook. A primeira Reunião ordinária será no dia 22 de agosto. A Mesa Diretora demonstrou bastante entusiasmo no processo político a ser desenvolvido. “Eu pretendo trazer projetos para o crescimento da cidade, já estamos trabalhando nisso. Mas ser eleita é definitivamente uma honra para mim, que pretendo seguir carreira política” disse a presidente recém-empossada, Júlya Oliveira.

A participação feminina também foi ressaltada pela 1ª secretária eleita, Clara Goulart: “as jovens resolveram entrar na política com mais força. E nós, mulheres, temos certeza que faremos um ótimo trabalho na Mesa Diretora”, afirmou. “Eu gosto de participar de política, porque é o nosso futuro que está em jogo. Em relação ao número de mulheres é mesmo o empoderamento, termos os mesmo direitos e lugares, disse a 1ª vice-presidente, Maria Clara Cortes. O 2º vice-presidente, Mateus Santos, disse que a eleição foi democrática e que essa é uma experiência única: “é um aprendizado. Estamos trabalhando projetos legais para a Câmara”, afirmou. O 2º secretário, Lucas Macedo, disse estar muito empolgado com o programa. “Entrei nesse projeto porque é importante o jovem entrar na política. Eu, inclusive, pretendo seguir carreira”, ressaltou.

Com Ascom CMSL

 

Confira a cobertura realizada pelo SeteLagoas.com.br:

 

 




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados