Menu

Vereadores repercutem início do Câmara Ação, em Reunião Ordinária

O Câmara Ação, iniciado no último fim de semana, foi lembrado pelos vereadores durante a Reunião Ordinária desta semana. O projeto vai percorrer várias regiões da cidade para levar ações de cidadania e prestação de serviços. Depois de passar pelo Nova Cidade no próximo dia 17 será a vez do Cidade de Deus receber a atividade.

Foto: CMSL/DivulgaçãoFoto: CMSL/Divulgação

Na tribuna da Câmara, durante a comunicação pessoal, Zé do União (PSL) afirmou que o “evento é muito importante e é uma das reclamações que sempre tenho da população. E como é difícil as pessoas terem acesso aqui, levar a Câmara para as comunidades é muito importante”.

Outro que acompanhou de perto a primeira edição do evento, Ismael Soares (PP), acredita que “essa Casa só tem a ganhar e foi um sucesso. Teve mais prestação de serviço do que eu imaginava. É um grande ganho para a comunidade”, reforçou o parlamentar que destacou, também, o trabalho de saúde pública realizado pelo Centro de Controle de Zoonoses (CCZ) que levou animais que foram doados.

Presidindo a sessão, Pr. Alcides (PP) aproveitou para divulgar o 1° primeiro Simpósio Regional de Vereadores do Alto Rio das Velhas que será realizado pela Escola do Legislativo e vai acontecer no próximo dia 20, no plenário da Câmara de Sete Lagoas. O evento é voltado para vereadores e todos da região serão convidados. “O presidente Cláudio Caramelo (PRB) está ausente em atividade externa em outras Câmaras”, revelou o primeiro vice-presidente.

Na pauta da sessão todos os textos foram aprovados. O líder do Executivo, Marcelo Cooperseltta (MDB) pediu a retirada do Projeto de Lei Complementar (PLC) 9/2019 que poderia viabilizar a retomada do projeto Mexa-se. Tramitando na Câmara desde o início de julho o texto não foi a Plenário por falta de parecer.

Tecnicamente, o PLC 9/2019 “altera a Lei Complementar nº 81 de 04 de setembro de 2003 que “dispõe sobre o plano de cargos, carreiras e vencimentos da prefeitura municipal de Sete Lagoas, o estímulo à formação profissional do servidor, sua contribuição ao processo de trabalho, e dá outras providências”.

Com Ascom CMSL




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados