Menu

Coluna / Recursos Humanos / Comunicação Assertiva

Comunicação assertiva, importante tema abordado no evento Trilhando Competências do seminário desenvolvido pelos alunos dos cursos da Unidade Acadêmica de Ensino de Ciências Gerenciais – UERGE e CSTs do Centro Universitário UNIFEMM, 2014.

Congresso Unifemm 2014 / Foto: DivulgaçãoCongresso Unifemm 2014 / Foto: Divulgação

Para o profissional completo e de sucesso, independente da sua escolha profissional, são necessários a busca e manutenção constante da comunicação assertiva, sendo o único caminho para destacar competências, asserção profissional e qualidade de vida no trabalho. Algumas diretrizes, importantes:

• CONHEÇA A ORGANIZAÇÃO

Não é possível alinhar-se com as estratégias de uma organização, antes de conhecer sua cultura. Busque conhecer a cultura da organização, compreendendo o conjunto de valores, crenças, regras e normas adotados por ela. Procure entender o clima organizacional que faz parte da cultura da organização e é imprescindível sua compreensão e de que forma é sua contribuição, pois a forma de participação de cada um dentro da organização gera os resultados negativos ou positivos para o clima da empresa.

• CONHEÇA SEU CARGO E FUNÇÃO

É necessário conhecer bem o seu cargo que é sua posição dentro da organização e saiba com clareza o que compõem a sua função dentro do cargo. Lembre-se que sua função é composta por diversas tarefas e responsabilidades e que normalmente estão diretamente ligadas ao conjunto para o funcionamento e resultados da organização.

• CONHEÇA SUA EQUIPE DE TRABALHO

Ao entender e conhecer a organização como um todo, identificar suas responsabilidades e contribuição dentro da sua função e cargo, busque conhecer como é sua equipe de trabalho, como é a troca de informações, o alinhamento para cumprimento de metas, a relação entre colegas de trabalho e sua contribuição para os resultados positivos e o que você pode, deve e esta fazendo para estes resultados positivos dentro da equipe.

• CONHEÇA VOCÊ MESMO

É praticamente impossível, alinhar regras e conceitos, agir bem em um grupo de trabalho, alinhar e compreender a cultura de uma organização se antes não sabermos responder quem nos somos. Saber responder com uma boa margem de segurança, quais são nossos pontos fracos e fortes? Como você reage sobre pressão? Quais são os fatores que motivam ou desmotivam? Qual é seu estilo de liderança, tomada de decisão, ação em grupo, relação com os outros, área de talento, sua relação com mudanças e outras diversas importantes respostas imprescindíveis a todos os profissionais. Atualmente trabalho com ferramentas e metodologia de análise de perfil, propondo resultados seguros e satisfatórios com até 97,7% de acerto de respostas sobre o perfil pessoal profissional.

Não podemos deixar de citar as influências do dia a dia que acontecem em nossas vidas, hoje, por exemplo, no momento em que escrevia este texto, recebi um telefonema avisando da morte trágica de um colega de longas datas, provavelmente por mais que me esforce minha comunicação pessoal hoje a noite como participante avaliador no seminário da UNIFEMM, não terão as mesmas características de um dia comum, em conseqüência da grande perda. Mas quanto mais entendemos de nos mesmos, melhor é nossa relação com o mundo, principalmente o mundo do trabalho que nos ocupa uma grande parte do nosso tempo em nossa existência.


Bacharel em Administração pela UNIFEMM – Pós-Graduado em Gestão Estratégica de Pessoas pela faculdade SENAC – BH – Obtenção de novo título em Psicologia - Consultor RH – Especialista em Gestão estrategica de Pessoas Analista Profiler - Consultor em Sete Lagoas e região da Rede de Recrutadores do Brasil.
Adminitrador da agência APOLO – www.APOLO.srv.br. Diretor de Com. e Eventos CDL- Sete Lagoas.

 



Publicidade
Publicidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar