Menu

Coluna / Rodrigo Paiva / O fim da dieta / O que acontece quando você deixa faltar carboidrato na alimentação?

Com a moda das dietas com restrição de carboidrato (Low Carb, Dieta da Proteína, Dukan, Paléo, Cetogênica, South Beach) algumas pessoas que adoram seguir redes sociais acabaram morrendo de medo desse nutriente. Carboidrato é vilão sim: se você não come ou se come demais e exagera.

Foto: ilustrativa / reprodução internetFoto: ilustrativa / reprodução internet

No caso, vamos falar sobre quando falta carboidrato. O que acontece:

1- para manter sua glicemia, seu corpo queima mais tecido muscular. Ou seja, aumenta a *flacidez* e você fica menos "durinho" com o tempo.

2- como carboidrato é fonte de energia para músculos e cérebro, você ficará com mais preguiça, irá se sentir mais fraco, menos disposto e com o raciocínio mais lento. Isso se não experimentar a sensação de tonteira e desmaio.

3- vai ter uma fome absurda. Principalmente compulsão. Vontade de comer doce. A cabeça passa a pensar só nisso: suco, refri, pão, biscoito, arroz, farofa e doces. Quando chutar o balde, vai ser um chute bem longe.

4- ficará difícil ganhar músculos. Pergunte para um fisiculturista ou para qualquer atleta. É praticamente impossível ganhar músculos e melhorar seu desempenho comendo só proteína.

5- no começo da dieta com restrição de carboidrato o seu peso vai cair muito. Mas, de músculos. Depois, o metabolismo fica lento... Aí, com o passar do tempo, manter o peso torna-se extremamente difícil. Vai ter que comer pouco, e ainda sim terá tendência a engordar...

*existem casos em que uma dieta com restrição de alguns carboidratos é necessário: autismo, hiperatividade, epilepsia, doenças autoimunes etc. Consulte um especialista.



Rodrigo Paiva é graduado em Nutrição e Educação Física, pós-graduado em Fisiologia e autor do livro "As verdades que você precisa saber", lançado em 2013.




Publicidade

Links patrocinados