Menu

Mesmo com liberação de BH, Cruzeiro confirma 2 jogos em Sete Lagoas e avaliará retorno ao Mineirão

O Cruzeiro já definiu sua posição logo após a Prefeitura de Belo Horizonte anunciar nesta quinta-feira (9) a liberação de torcida em 30% da capacidade dos estádios na capital. Em entrevista à reportagem da Itatiaia, o presidente Sérgio Santos Rodrigues garantiu que a Raposa, como era esperado, mandará suas duas próximas partidas (Contra Ponte Preta e Operário) na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, e disse que avaliará o retorno ao Mineirão.

Foto: DivulgaçãoFoto: Divulgação

O mandatário celeste esclareceu que a Raposa já está com as operações em andamento para a realização das duas partidas e pregou cautela sobre o retorno ao Gigante da Pampulha em função de uma 'análise desportiva e financeira'

"A estrutura [na Arena do Jacaré] já está toda pronta, já estamos vendendo ingresso. Nós vamos jogar essas duas partidas lá e, depois, vamos voltar para a análise, que é uma análise desportiva e financeira, também", iniciou.

"Não preciso mentir que o custo no Mineirão é caro. Tem que abrir estádio todo só para 30%. Inclusive, no último jogo, houve muita reclamação de torcida de ingresso caro, e, mesmo assim, não tinha como mexer nele, porque o aluguel tem um custo fixo muito caro. Vamos ver como que a torcida vai receber, aceitar esse jogo na Arena do Jacaré. Claro, condições gerais de estádio, gramado, tudo enfim, então, é aspecto desportivo financeiro, que vai ser analisado", completou.

Com Itatiaia





Publicidade

Links patrocinados