Menu

Disparou: Atlético vence o Fortaleza e abre sete pontos de vantagem no Brasileirão

O Atlético é mais líder do que nunca do Campeonato Brasileiro. Na tarde deste domingo, no estádio Castelão, o Galo venceu o Fortaleza por 2 a 0, em duelo válido pela abertura do returno da competição. Os gols alvinegros foram marcados no segundo tempo, por Matías Zaracho e Junior Alonso.

Foto: Pedro Souza/AtléticoFoto: Pedro Souza/Atlético

Os estrangeiros foram os grandes destaques do Galo no Ceará. O gol do argentino Zaracho foi marcado após assistência do chileno Eduardo Vargas. Já o paraguaio Junior Alonso balançou as redes após escanteio batido pelo argentino Nacho Fernández.

Com a vitória, o Atlético chegou a 42 pontos no Campeonato Brasileiro. O Galo abriu sete pontos em relação ao vice-líder Palmeiras, que perdeu por 3 a 1 para o Flamengo em casa. Já o Fortaleza foi ultrapassado pelo Rubro-Negro e caiu para a quarta posição, com 33.

O foco dos dois times volta para a Copa do Brasil. Na próxima quarta-feira, às 19h, o Atlético recebe o Fluminense, no Mineirão. No primeiro jogo, o Galo venceu por 2 a 1. No mesmo dia, às 21h30, o Fortaleza recebe o São Paulo no Castelão. O primeiro jogo terminou empatado em 2 a 2. Os dois times podem se encontrar na semifinal.

O jogo

Sem Savarino, que teve lesão confirmada neste domingo, o técnico Cuca optou pela entrada de Jair na equipe. Desta forma, o meio-campo alvinegro ficou mais cheio, com Zaracho escapando pelo lado direito e Nacho caindo pela esquerda.

O Atlético teve muitas dificuldades no primeiro tempo, principalmente pela marcação alta imposta pelo Fortaleza. Muitas vezes a equipe alvinegra foi obrigada a sair jogando no chutão. Ofensivamente, o time não conseguia encontrar espaços para as infiltrações de Hulk e Vargas.

O chileno, por sinal, foi um dos jogadores mais participativos do Atlético. A melhor chance foi dele, após driblar um adversário e finalizar na rede pelo lado de fora. O Fortaleza também assustou com Lucas Crispim, que parou em boa defesa de Everson, e David, que tentou de letra mas finalizou em cima do goleiro do Galo.

Os jogadores do Atlético demonstraram muita irritação no primeiro tempo, especialmente pelo critério na marcação de faltas. Por reclamação, o técnico Cuca foi advertido com cartão amarelo.

Os dois times voltaram para o segundo tempo com as mesmas formações. Mas o placar não demorou a ser alterado. Logo aos 4', Hulk foi acionado por Nacho na direita. Ele cruzou e achou Vargas livre. O chileno dominou, ajeitou e encontrou Zaracho na cara do gol. O meio-campista argentino finalizou forte e abriu o placar para o Galo: 1 a 0.

Depois do gol, o Atlético passou a ter mais espaços em campo. O Fortaleza, com a bola, tinha dificuldades em criar. O técnico Cuca acabou mudando a forma de jogar do Galo. Saíram Jair e Vargas para as entradas de Réver e Diego Costa. Sendo assim, o time passou a ter três zagueiros, sendo Réver o mais centralizado, e Diego Costa mais centralizado - Hulk caiu pelo lado esquerdo.

E pouco depois das mudanças, o Galo ampliou a vantagem no placar: Nacho Fernández cobrou escanteio na primeira trave, Junior Alonso antecipou a marcação e tocou de cabeça para o fundo do gol: 2 a 0.

O jogo caiu de ritmo após o segundo gol do Atlético. O Alvinegro, seguro em campo, tentava o terceiro gol nos contra-ataques, enquanto o Fortaleza tinha muitas dificuldades em criar chances. Nos minutos finais, o Galo controlou as ações para confirmar mais uma vitória fora de casa no Brasileirão.

FORTALEZA 0 X 2 ATLÉTICO

Fortaleza
Felipe Alves; Tinga, Benevenuto e Titi; Éderson, Jussa (Matheus Vargas, 27/2°T), Yago Pikachu (Edinho, 27/2°T), Lucas Crispim e Lucas Lima (Romarinho, 33/2°T); David (Wellington Paulista, 33/2°T) e Robson (Igor Torres, 21/2°T)
Técnico: Juan Pablo Vojvoda

Atlético
Everson; Mariano (Guga, 43/2°T), Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair (Réver, 16/2°T), Matías Zaracho e Nacho Fernández (Keno, 39/2°T); Eduardo Vargas (Diego Costa, 16/2°T) e Hulk (Nathan, 39/2°T)
Técnico: Cuca

Gols: Matías Zaracho (4/2°T); Junior Alonso (23/2°T)
Cartões amarelos: Mariano (33/2°T); Tinga (42/1°T); Jair (12/2°T)

Motivo: 20ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Castelão, em Fortaleza
Data: domingo, 12 de setembro
Horário: 16h

Árbitro: Braulio da Silva Machado (FIFA/SC)
Assistentes: Henrique Nereu Ribeiro (SC) e Johnny Barros de Oliveira (SC)
VAR: Wagner Reway (VAR-FIFA/PB)

Da Redação com Super esportes





Publicidade

Links patrocinados