Menu

Quase lá: Cruzeiro vence o Tombense com facilidade no Mineirão pela Série B e dispara na liderança

Dominante, o Cruzeiro não deixou o Tombense jogar e venceu o confronto com facilidade, por 2 a 0, neste sábado (6/8), no Mineirão, pela 22ª rodada da Série B. Os gols do duelo foram marcados no segundo tempo, por Bruno Rodrigues e Daniel Jr.

Foto: Ramon Lisboa/EM/D.A. PressFoto: Ramon Lisboa/EM/D.A. Press

Com o resultado, o Cruzeiro foi a 49 pontos, a nove do vice-líder, o Bahia, e a 16 do quinto colocado, o Londrina. Na próxima rodada, o time celeste enfrenta o próprio clube paranaense, na terça-feira (9), às 21h, no estádio do Café, no Paraná.

Como de costume, o Cruzeiro foi agressivo e pressionou o adversário durante os 90 minutos. Mais uma vez, a Raposa foi empurrada pela sua torcida: 42.274 torcedores acompanharam o jogo. O time de Pezzolano controlou a partida e construiu o resultado com tranquilidade.

O jogo

O técnico Paulo Pezzolano fez várias mudanças no time. Na zaga, Eduardo Brock voltou à equipe titular após cumprir suspensão automática na última rodada. Sem Geovane Jesus, com lesão muscular na coxa esquerda, e o polivalente Leonardo Pais, com contusão no pé direito, Pezzolano colocou Zé Ivaldo mais adiantado.

 

Para tentar deixar o time mais criativo, Chay e Daniel Jr começaram a partida. O ataque teve Bruno Rodrigues e Luvannor. O goleador Edu ficou no banco.

O primeiro tempo foi completamente dominado pelo Cruzeiro, que chegou a ter 70% de posse de bola e 13 finalizações. O Tombense tentou se defender e não conseguiu sair nos contra-ataques. Houve apenas uma chegada com certo perigo da equipe da Zona da Mata mineira.

Aos 18 minutos, Chay teve uma chance limpa dentro da área. Bruno Rodrigues cortou a defesa e chutou em cima da zaga. A bola sobrou para o meia celeste, que isolou a redonda. Seis minutos depois, Zé Ivaldo mandou um petardo de fora da área, mas Felipe Garcia evitou o gol celeste.

O Cruzeiro continuou em cima do Tombense. Aos 43 minutos, Neto Moura encontrou liberdade na entrada da área para chutar. A bola passou perto da trave do goleiro do Tombense, que só fez golpe de vista.

 

Se na etapa inicial o gol não saiu, no segundo tempo a bola encontrou as redes em três minutos. O Cruzeiro pressionou a saída de bola e conseguiu recuperar a posse com Luvannor, que acionou Daniel Jr. O meia tocou de primeira para Bruno Rodrigues, o qual limpou a defesa e finalizou rasteiro no cantinho direito do goleiro: 1 a 0.

O gol não mudou o panorama do jogo, e o Cruzeiro seguiu dominante. A pressão resultou em mais um tento celeste. Aos 23', Bidu recebeu na esquerda e cruzou forte. Daniel Jr. apareceu livre na área, dominou de direita e soltou o pé de canhota para o fundo da rede: 2 a 0.

No fim do jogo, aos 37 minutos, o atacante Ciel foi acionado na área e cabeceou com precisão, mas o goleiro Rafael Cabral fez uma defesa excepcional.

CRUZEIRO 2 x 0 TOMBENSE

Cruzeiro
Rafael Cabral; Zé Ivaldo, Lucas Oliveira e Eduardo Brock; Bidu, Neto Moura (Pablo Siles), Machado, Chay (Pedro Castro), Daniel Jr. (Edu), Bruno Rodrigues (Stênio) e Luvannor (Rodolfo).

Técnico: Paulo Pezzolano.

Tombense
Felipe Garcia; David (Diego Ferreira), Roger Carvalho, Joseph e Manoel; Rodrigo, Zé Ricardo (Renatinho) e Jean Lucas; Everton Galdino (Matheus Frizzo), Keké (Ciel) e Bruno Mota (Kleiton).
Técnico: Bruno Pivetti.

Público: 42.274 torcedores

Gols: Bruno Rodrigues e Daniel Jr.
Cartões amarelos: Chay (Cruzeiro); Keké e Zé Ricardo (Tombense).

Local: Mineirão, em Belo Horizonte
Data e horário: Sábado, 6 de agosto de 2022, às 19h
Motivo: 22ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro

Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (GO)
Assistentes: Fabrício Vilarinho da Silva (Fifa/GO) e Cristhian Passos Sorence (GO)
VAR: José Cláudio Rocha Filho (Fifa/SP)



Publicidade

Links patrocinados MGID