Menu

Minas passa de 2,5 milhões de vacinados com as duas doses contra a Covid-19

Dois dias depois que Minas Gerais ultrapassou a marca de 5 milhões de mineiros que receberam a primeira dose de vacina contra a Covid-19, o estado chegou, nesta quinta-feira (10), a 2,5 milhões de vacinados com as duas doses – de Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer –, que garantem a imunização completa contra o coronavírus.

Fotos de pessoas que receberam as primeiras doses da vacina contra a Covid-19 em Minas Gerais, ainda em janeiro. — Foto: Arquivo G1Fotos de pessoas que receberam as primeiras doses da vacina contra a Covid-19 em Minas Gerais, ainda em janeiro. — Foto: Arquivo G1

Foram exatamente 5.311.217 pessoas vacinadas em Minas até o momento, segundo o boletim epidemiológico do governo estadual. Com a segunda dose, foram 2.510.392 pessoas até o momento.

Apesar de serem números significativos, ainda há muito a avançar. Isso porque a quantidade de pessoas que já receberam uma dose equivale a 71,35% da população já autorizada a vacinar pelo Ministério da Saúde, e a apenas 24,94% da população total do estado.

No caso da segunda dose, o percentual cai para 33,72% da população nos grupos prioritários e 11,79% da população mineira.

Além disso, a distribuição geográfica da imunização está bastante desigual no estado. Segundo este mapa do vacinômetro do governo, as regiões central do estado, Sul e Zona da Mata são as que já vacinaram mais pessoas com as duas doses.

O estado recebeu, até o momento, 10.700.956 de doses de vacina.

Em Belo Horizonte, de acordo com a prefeitura, 928.488 receberam a primeira dose e 408.489, a segunda.

A vacinação foi ampliada na capital a partir de segunda-feira (7), e agora pessoas sem comorbidade, com 56 a 59 anos, começaram a ser vacinadas. Nesta quinta, a imunização chegou aos trabalhadores de ônibus e metrô e da limpeza urbana.

Números da pandemia

Até o momento, Minas Gerais já teve 1.657.147 pessoas com teste positivo para a Covid-19, sendo que 11.043 delas foram notificadas ao estado somente nas últimas 24 horas.

Desde a véspera, 319 mortes causadas pelo novo coronavírus foram registradas entre mineiros. Ao todo, desde o início da pandemia, o estado já perdeu 42.319 pessoas para a doença.

Em todo o estado, 92.765 pacientes continuam em acompanhamento, enquanto 1.522.063 são consideradas "recuperados". Ou seja, são pessoas que atendem a três pré-requisitos: estão há 72 horas assintomáticas; receberam alta hospitalar e/ou cumpriram isolamento domiciliar de dez dias; e estão sem intercorrências.

Desde o início da pandemia, 144.538 mineiros tiveram que ser internados, na rede pública ou privada. Os outros 1.512.609 ficaram em isolamento domiciliar.

As informações estão no boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde desta quinta-feira (10).

Com G1

 





Publicidade

Links patrocinados