Menu

Quase 800 quilos de maconha são apreendidos em fundo falso de caminhão

A Policia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu, na madrugada desta terça-feira (18), 794 quilos de maconha no município de Montes Claros, no Norte de Minas. A droga foi encontrada no fundo falso da carroceria de um caminhão, abordado no posto da PRF do Km 514 da BR 251 (entre Montes Claros e Francisco Sá), onde ocorreu a apreensão.

Foto: PRF/DivulgaçãoFoto: PRF/Divulgação

Os agentes federais desconfiaram do ocupante de um carro de modelo HB20, que viajava no sentido Montes Claros/Francisco Sá. Logo em seguida, passou pelo local um caminhão com carroceria aparentemente vazia. Ao ser abordado, o condutor do caminhão demonstrou nervosismo, o que reforçou a desconfiança dos policiais de que havia algo de errado.

Durante a abordagem, o motorista recebeu uma ligação telefônica e não falou para o interlocutor que tinha sido parado pelos policiais, usando apenas a expressão “estou batendo pneu”. A equipe da PRF seguiu em direção a Francisco Sá e, alguns minutos depois, encontrou o motorista do HB20, que, conforme um agente, “já estava retornando para verificar o que aconteceu com o condutor do caminhão”.

Desta forma, acabou sendo descoberto que o motorista do veiculo de passeio atuava como “batedor” do caminhão, seguindo à frente para averiguar “se o caminho estava livre”. Durante nova abordagem com os dois suspeitos, os policiais rodoviários acabaram localizando a carga ilegal.

Conforme a PRF, o caminhoneiro disse o carregamento foi feito em São José do Rio Preto (SP) e seria entregue em Guanambi, no interior da Bahia. Mas a origem e o destino da maconha ainda serão investigados. Existe a suspeita de que a maconha estaria sendo transportada para Salvador, para ser comercializada durante o Carnaval.

Ainda de acordo com a Polícia Rodoviária Federal, o motorista do caminhão declarou que receberia R$ 5 mil pelo transporte da erva. O condutor do HB20 informou que iria receber R$ 6 mil pelo “serviço” de batedor.

Os dois suspeitos foram presos e encaminhados para a delegacia da Policia Federal em Montes Claros. O caso foi repassado para a PF, tendo em vista que a suspeita de que a maconha é oriunda do Paraguai, fazendo parte do tráfico internacional de drogas.

Perto deste mesmo local onde houve a apreensão da carga de maconha, na mesma rodovia, em 27 de junho passado, a PRF apreendeu três toneladas de maconha e 50 quilos de cocaína, encontrados em meio a uma carga de repolho de um caminhão, que seguia do Paraná para Sergipe.

Véspera de Carnaval e apreensão recorde

A apreensão dos quase 800 quilos de maconha no Norte de Minas ocorreu a menos de uma semana do Carnaval. Foi também a poucos dias da folia momesca que, em janeiro de 2019, ocorreu uma das maiores apreensões de maconha da história de Minas Gerais. Em Patos de Minas (Alto Paranaíba), foram encontradas seis toneladas da erva sendo transportados em um caminhão tanque.

Com Estado de Minas




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados