Menu

Vídeo: mulher é agredida por homem com socos no rosto; agressor é procurado pela polícia

A Polícia Civil de Ilhéus, cidade do sul da Bahia, investiga o caso mostrado em um vídeo que circula nas redes sociais em que um homem agride uma mulher com socos no rosto.

Foto: Reprodução InternetFoto: Reprodução Internet

O suspeito foi identificado como Carlos Samuel Freitas Costa Filho. Segundo informações da delegada titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), Márcia Rezende, ele é procurado por policiais. Não há, no entanto, mandado de prisão expedido contra ele.

Mulheres vítimas de violência: veja como ter apoio jurídico e psicológico gratuitos na BA
De acordo com a delegada, ainda não há informações sobre a data do crime, que aconteceu no centro de Ilhéus. A vítima não registrou boletim de ocorrência, mas a polícia já apura o caso com base nas imagens. Não há detalhes sobre a relação da mulher com o agressor.

Agressor responde por outros 10 casos de violência contra mulheres

O vídeo começou a circular nas redes sociais nesta quarta-feira (14). O homem já responde por outros 10 crimes de violência contra outras mulheres. Segundo a delegada, o histórico de agressões dele é contra ex-namoradas e contra mulheres da própria família.

As imagens foram gravadas por um morador e mostram o agressor e a vítima na frente de uma casa. A mulher, que está encostada num carro com o homem na frente dela, pede diversas vezes para que ele deixe o local.

Durante o vídeo, o agressor fala com a pessoa que está gravando a imagem e chama para briga.

“Cadê o homem que você disse que vai descer? Cadê ele? Manda ele descer que eu quero ver”.

A vítima pede para que o homem não desça e diz que ele não está armado. “Desça não, moço, ele não tem nada. É um 'zé ruela', não tem nada”.

Logo depois, ela volta a pedir para que o agressor deixe o local, mas não é atendida.

Carlos Samuel, então, a agride com uma sequência de murros no rosto. Até o fechamento desta matéria, o suspeito não havia sido encontrado.

 

Da Redação com G1




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados