Menu

Policiais encontram celular dentro de sapo após animal ser jogado em presídio de Minas

Agentes penitenciários de um presídio de Montes Claros (MG) flagraram o momento em que um sapo foi arremessado da rua para dentro do presídio. A surpresa foi quando notaram que dentro do animal, que estava morto, havia um celular.

Foto: Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Minas GeraisFoto: Secretaria de Justiça e Segurança Pública de Minas Gerais

Os agentes do Estabelecimento Penal Montes Claros I (Alvorada), também conhecido como Presídio de Alvorada, ouviram um barulho de algo batendo contra o muro da unidade na manhã de terça-feira (21). Ao verificarem, encontraram o anfíbio em cima do telhado de uma marcenaria que faz limite com o presídio. Desconfiados, abriram o animal e encontraram o objeto.

"Trabalhamos diariamente para coibir a entrada desses objetos em nossas unidades. Neste caso, por exemplo, os procedimentos de ronda, que são realizados de forma contínua, permitiram a apreensão do ilícito", disse o diretor regional da 11ª Região Integrada de Segurança Pública, Antônio José Costa.

O aparelho celular encontrado foi encaminhado para a Polícia Civil, responsável pelas investigações criminais. Um procedimento interno para apurar as circunstâncias do ocorrido foi aberto pela direção da unidade prisional.

Com Uol

 





Publicidade

Links patrocinados