Menu

Tatuador mata ex-namorada com dez facadas em Belo Horizonte

Uma mulher de 25 anos foi morta a facadas dentro de casa no bairro Cardoso, na região do Barreiro em Belo Horizonte, nesta quinta-feira (4). Emily Luiza Ferretti Fernandes foi atingida mais de dez vezes, e o principal suspeito do crime é o ex-namorado dela, Thales Tomás, que é cidadão estadunidense.

Foto: Reprodução Redes SociaisFoto: Reprodução Redes Sociais

Segundo testemunhas, o homem não aceitava o fim do namoro, fato que foi confirmado pela mãe da vítima. A mulher contou ainda que o suspeito divulgou fotos íntimas da filha nas redes sociais para chantageá-la a reatar o relacionamento, e teme que o homem fuja para os EUA.

Nessa quinta, Thales invadiu a casa da jovem, e desferiu diversos golpes contra ela. Emily chegou a ser socorrida e levada a um hospital, mas não resistiu aos ferimentos. O homem fugiu, e até o momento, não foi encontrado pela Polícia Militar.

Vítima foi agredida no dia anterior

Segundo o jornal O Tempo, na noite de quarta-feira (3) a jovem foi agredida pelo suspeito, tendo, inclusive, solicitado uma medida protetiva contra o homem. Depois das agressões, ele teria ido para o bairro Prado, na região Oeste da capital mineira, onde dormiu na casa de um amigo que, assim como ele, seria tatuador. Hoje, por volta das 11h, ele foi embora do local e, em seguida, cometeu o feminicídio.

"Ele morava no exterior, mas sempre voltava para BH, passava um mês fazendo cursos de tatuagem, e voltava para os Estados Unidos. Este amigo que abrigou ele não sabia da agressão e nem esperava que ele fosse cometer o crime depois", detalhou o policial civil, que preferiu não ser identificado.

Da redação com Itatiaia e O Tempo



Publicidade

Links patrocinados MGID