Menu

URGENTE: Presidente do Senado Rodrigo Pacheco rejeita pedido de impeachment feito por Bolsonaro contra ministro do STF Alexandre de Moraes

O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (DEM), decidiu rejeitar à tarde de quarta-feira (25) a abertura do processo de impeachment contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, pedido pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido) à última sexta-feira (20). A decisão de Pacheco é baseada no parecer da Advocacia-Geral do Senado, que considerou o pedido improcedente.

Foto: Reprodução InternetFoto: Reprodução Internet

Com a avaliação da área jurídica, Pacheco considerou que não haveria adequação à chamada "Lei do Impeachment" e, portanto, faltaria justa causa para acolher o pedido do presidente. Nos bastidores, o comentário é que a decisão rápida do presidente do Senado, no sentido de rejeitar o pedido, contribui para evitar que a crise entre os poderes se agrave ainda mais.

O pedido de impeachment contra Alexandre de Moraes ingressou no Senado na última sexta-feira (20). Àquela semana, o chefe do Poder Executivo afirmou também que também entraria com o pedido de impeachment contra Luís Roberto Barroso, ministro do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o que ainda não ocorreu.

Da Redação com Itatiaia





Publicidade

Links patrocinados