Menu

Situação do esporte em Sete Lagoas é tema de reunião especial na Câmara Municipal

A Câmara de Sete Lagoas realizou, nesta última quinta-feira (9), uma reunião especial sobre fomento da prática esportiva em Sete Lagoas, com participação de atletas, professores e gestores. A reunião foi presidida pelo vereador Rodrigo Braga (PV).

Foto: Divulgação Câmara MunicipalFoto: Divulgação Câmara Municipal

Fazer com que os mais de 100 equipamentos esportivos espalhadas pela cidade entre campos, quadras, academias sejam protagonistas para formação de atletas com baixa oferta de mão de obra pelo município é um dos obstáculos a ser superados pela gestão. A informação é do secretário adjunto de Esportes, Fabrício Fonseca. “O organograma enxuto impede maior otimização do grande volume de trabalho”, diagnosticou.

Fonseca apresentou um organograma que seria necessário para que a pasta conseguisse apurar um resultado mais satisfatório. Outro importante desafio é superar a escassez de investimentos, uma vez que o Esporte detém uma das menores fatias da distribuição dos recursos do município em comparação com outras pastas.

Como consequência a mão de obra disponível também é insuficiente. “O esporte hoje é minoria, fração pequena, em relação às outras secretarias com relação ao número de cargos. Existem políticas públicas para o esporte na cidade, o que não há é recurso para colocar na rua”, lamentou o secretário que, ao lado da enxuta equipe, faz até o trabalho de limpeza nos equipamentos.

Atletas de alto rendimento da cidade que participaram da sessão e que representam outras cidades em competições Brasil afora também acreditam no potencial da cidade e cobram ações. Luiz Felipe Martins é um deles, atleta de bicicross ele afirma que “a gente não fala de muita coisa, por pouca coisa a gente perde a chance de sediar um campeonato com visibilidade para o Brasil inteiro. Conheço atletas daqui que correm por outras cidades. O bicicross já foi potência na cidade e hoje não é”, pontuou.

Vários vereadores participaram da sessão e se comprometeram a ajudar o esporte local. Ex-jogador de futebol, Ivson Gomes (Cidadania) contribuiu com sua experiência. Ivan luiz (Patri), Carol Canabrava (Avante), Heloísa Frois (Cidadania), Junior Sousa (MDB) e o presidente Pr. Alcides (PP) foram outros que participaram para acrescentar.

Como forma de homenagear o esporte local, Rodrigo Braga dirigiu os trabalhos com uma camisa do Democrata. Ele condensou todas as informações e, no final dos trabalhos, elencou encaminhamentos para que o planejamento estratégico possa avançar. “Vamos fazer uma reunião na próxima semana com o Executivo para discutir demandas apresentadas. Que se cumpra o organograma mínimo. Vamos buscar parcerias com o Estado para o esporte especializado. Tentar o retorno o Plesc e intensificar convênios”, enumerou.

Da redação com Câmara de Sete Lagoas





Publicidade

Links patrocinados