Menu

Confira o balanço de atividades desenvolvidas pelo Legislativo de Sete Lagoas durante o ano de 2021

Medidas administrativas implementadas pela atual gestão do Poder Legislativo impactaram diretamente na “atividade fim” da Casa, a produtividade nas ações parlamentares dos vereadores. O uso racional do recurso público possibilitou um balanço positivo das proposições apresentadas durante este ano em comparação com o mesmo período do ano passado.

Foto: Ascom CMSLFoto: Ascom CMSL

Todos os indicadores, sem exceção, são maiores em 2021, em que pese a cidade ainda viver a pandemia da Covid-19. O que ratifica a posição da Câmara Municipal de Sete Lagoas que se consolidou nos últimos meses como referência para cidades da região.

Para se ter uma ideia do avanço no trabalho em 2021 os Requerimentos apresentados este ano somam 3.742 contra 3.171 no mesmo período do ano passado. Os Anteprojetos de Lei (APL) apresentados em 2020, 246, são menos da metade dos 699 protocolados ao longo de 2021. Os Projetos de Lei Ordinária (PLO) seguem o mesmo ritmo, em 2020 foram apresentados 232 contra 554 ao longo do primeiro ano da atual gestão.

Os Pedidos de Providências também aumentaram, em 2021 foram 6.989 frente a 5.125 do ano passado. Ferramenta importante para que a população possa discutir os problemas da cidade, além de propor soluções, as Reuniões Especiais também foram frequentes durante este ano. Foram 21 sessões contra 8 que aconteceram ao longo do último ano. Número quase 170% maior dos registrados em 2020.

Com Ascom CMSL



Publicidade

Links patrocinados MGID