Menu

Supremo Tribunal Federal expõe conluio político com o governo Lula: "Acabou a lua de mel"

Em um contexto que aponta para possíveis interferências políticas, os bastidores da Suprema Corte do Brasil sugerem uma conexão profunda em suas decisões com o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Nos bastidores, ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) expressaram descontentamento em relação ao voto favorável do líder do governo no Senado, Jaques Wagner (PT-BA), à Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que restringe os poderes da Corte. A PEC foi aprovada com 52 votos a favor e 18 contra nesta quarta-feira, 22. Sob anonimato, magistrados do STF consideraram a posição de Wagner uma "traição rasteira" após a resistência da Corte ao que classificaram como "golpe bolsonarista".

O presidente do STF, Luís Roberto Barroso, durante reunião do Instituto dos Advogados de São Paulo - 23/10/2023 | Foto: Leonardo Ramos/Estadão ConteúdoO presidente do STF, Luís Roberto Barroso, durante reunião do Instituto dos Advogados de São Paulo - 23/10/2023 | Foto: Leonardo Ramos/Estadão Conteúdo

A atitude do senador resultou em um ultimato do STF: "ou Jaques Wagner renuncia, ou não haverá mais diálogo entre o STF, o Planalto e o governo". Wagner foi o único senador do Partido dos Trabalhadores (PT) a se opor à orientação do próprio partido, que recomendou o voto "não". A PEC obteve três votos a mais do que os 49 necessários para sua aprovação.

Nos bastidores, um ministro comentou: "Acabou a 'lua de mel' com o governo. Traição rasteira. União com os Bolsonaristas contra o STF depois de tudo que aconteceu. Jaques Wagner precisa renunciar à liderança, senão acabou a interlocução com o STF".

Conforme os magistrados, Wagner teria recorrido a um "truque barato" para obter os votos necessários sem comprometer a bancada do PT, que votou majoritariamente contra a PEC. Em vez de contar com os senadores petistas, Wagner, que é da Bahia e já governou o estado, teria contado com os votos dos senadores da bancada baiana: Otto Alencar e Ângelo Coronel, ambos do PSD, partido aliado ao governo. "Acham que somos ingênuos com esse truque barato de o PT votar de um lado e os aliados da Bahia de outro", disse um ministro.

Os ministros também questionaram a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva na manobra. "Jaques iria fazer isso sem o Lula saber?", indagou um membro da Corte.

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luís Roberto Barroso, expressou preocupação em relação aos recentes avanços legislativos que impactam a Corte, especialmente após a aprovação pelo Senado de uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) que visa limitar as decisões monocráticas dos juízes do STF.

Barroso destacou que, nos últimos 35 anos, o Brasil enfrentou desafios institucionais significativos, como crises econômicas, inflação descontrolada, escândalos de corrupção e dois processos de impeachment. No entanto, o presidente do STF ressaltou que, apesar desses desafios, o país conseguiu preservar a estabilidade institucional e a democracia, considerando, portanto, a proposta como desnecessária.

da redação com informações do Estadão e Globo News



Publicidade

+ Política

Lula torrou R$ 70 milhões com viagens ao exterior: hospedagem nos EUA custou R$ 7,5 mi

Lula torrou R$ 70 milhões com viagens ao exterior: hospedagem nos EUA custou R$ 7,5 mi

Em 2023, as viagens internacionais do presidente Lula custaram pelo menos R$ 70 milhões. Apenas a hospedagem em No...

‘Feto não sente dor’, ‘insegurança’: o que diz a nota do governo Lula sobre o aborto

‘Feto não sente dor’, ‘insegurança’: o que diz a nota do governo Lula sobre o aborto

Na tarde de quinta-feira, 29, uma nota do Ministério da Saúde (MS) do governo Lula, que propunha a a...

PF indicia Carla Zambelli e hacker por invasão do site do CNJ

PF indicia Carla Zambelli e hacker por invasão do site do CNJ

A deputada federal Carla Zambelli (PL-SP) e o hacker Walter Delgatti Neto foram indiciados pela Polícia Federal (P...

Governo Lula: Emissões de carbono decorrentes de queimadas são as maiores em 20 anos

Governo Lula: Emissões de carbono decorrentes de queimadas são as maiores em 20 anos

O Copernicus, observatório europeu de clima e atmosfera, relatou que as emissões de carbono resultantes dos incênd...

Governo vai enviar ao Congresso proposta para extinguir saque-aniversário do FGTS, diz ministro do Trabalho

Governo vai enviar ao Congresso proposta para extinguir saque-aniversário do FGTS, diz ministro do Trabalho

O ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, anunciou que a pasta encaminhará ao Congresso Nacional um...

Polícia Federal cumpre mandados de prisão em operação pelo 8 de janeiro

Polícia Federal cumpre mandados de prisão em operação pelo 8 de janeiro

Nesta quinta-feira, 29, a Polícia Federal está executando três mandados de prisão, sete de monitoramento eletrônic...

Candidato que usar IA para atacar adversário em eleições será cassado, diz TSE

Candidato que usar IA para atacar adversário em eleições será cassado, diz TSE

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Alexandre de Moraes, reforçou nessa quarta-feira (28) as reg...

Governo de Minas prepara projeto para ajustar salário dos professores estaduais

Governo de Minas prepara projeto para ajustar salário dos professores estaduais

O governo de Minas Gerais está se preparando para encaminhar à Assembleia Legislativa um projeto de lei visando ajustar ...

Gilmar Mendes diz que votará pela anulação de provas da Odebrecht

Gilmar Mendes diz que votará pela anulação de provas da Odebrecht

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), expressou total apoio à decisão do colega Dias Toffol...

Jornalista português detido no Brasil ao cobrir ato pela democracia repercute no mundo

Jornalista português detido no Brasil ao cobrir ato pela democracia repercute no mundo

A detenção do jornalista português Sérgio Tavares, do Canal Sérgio Tavares, no Aeroporto de Guarulhos, ao desembar...

O SeteLagoas.com.br utiliza cookies e outras tecnologias para melhorar a sua experiência!
Termos