Menu

Mulher: já sentiu vontade de chorar do nada? Entenda esse comportamento

Um choro vez ou outra parece ser inevitável. Seja por ter um dia difícil, muito estresse acumulado ou até por sintomas clássicos da TPM (tensão pré-menstrual), as lágrimas podem rolar soltas sem que você se de conta do porquê. Mas existe uma razão por trás disso, viu? E nós vamos descobri-la!

Foto: iStockFoto: iStock

Para isso, a psiquiatra Maria Francisca Mauro, recomenda escutar o nosso corpo. Afinal, não tem nenhum problema em ser meio "manteiga derretida" e chorar em filmes e histórias, não é mesmo?

Especialista pontua que um comportamento específico deve soar o alerta de que algo não vai bem: quando, além do choro, a pessoa não vê mais graça em nada, nem ri.

TRISTEZA X DEPRESSÃO

Chorar demais pode levar à dúvida se aquilo é só uma tristeza decorrente de algo que aconteceu ou se a causa é uma doença, como a depressão. Segundo a médica, o sentimento de estar triste precisa estar associado a um motivo, tais quais o término de um relacionamento ou a perda de um ente querido, por exemplo. Já quando a tristeza parece ser constante, é hora de buscar ajuda.

“Mesmo com tantos pontos em comum, a depressão e a tristeza são conceitos amplamente diferentes. A tristeza é uma das consequências da depressão, juntamente com outros sintomas, como a angústia e a apatia. Também, em especial, sono e fome podem ficar alterados, assim como a forma de pensar sobre a vida”, detalha Maria.

Será que é depressão?

Se o único sintoma for a vontade de chorar do nada, a psiquiatra diz que isso não é, necessariamente, um sinal da doença psicológica. Para avaliação e diagnóstico, ela explica que outros sintomas precisam ser considerados:

- não ter vontade de sair de casa;

- pessimismo;

- não ter prazer na vida;

- falta de concentração;

- falta de sono ou sono demasiado.

Ao notar um desses sinais juntamente ao choro sem causa aparente, é hora de buscar ajuda médica, ok?!

DICAS PARA SE SENTIR MELHOR

“Tenho certeza que algumas atitudes vão te fazer sentir muito melhor. Comece conversando com amigos e familiares. Construir uma rede de apoio é essencial para os momentos em que nos sentimos para baixo, tristes e com vontade de chorar sem motivo. Falar com pessoas próximas sobre o que lhe aflige, desabafar e colocar tudo para fora continua sendo um bom início para cuidar de emoções ruins”, ensina a especialista.

Além dessa, ela lista outras medidas úteis para espantar o choro sem causa aparente e cuidar da saúde mental. Confira:

- Tire um tempo para si, colocando o autocuidado na rotina;

- Pratique exercícios;

- Alimente-se bem;

- Busque ajuda de psiquiatras ou psicólogos, se necessário.

Se estiver passando por isso, você pode contar com o apoio gratuito do Centro de Valorização da Vida (CVV) pelo site ou ligando para 188.

Da Redação com Alto Astral

 



Publicidade

Links patrocinados MGID