Menu

Inchaço corporal: 5 dicas alimentares para desinchar e se sentir mais leve

Sentir o corpo inchado e pesado, especialmente no fim do dia, é uma experiência comum para muitas pessoas. Essa sensação pode ser causada por diversos fatores, como retenção de líquidos, má digestão, consumo de alimentos inflamatórios e até mesmo problemas de saúde mais sérios.

Foto: Ilustrativa/Reprodução/InternetFoto: Ilustrativa/Reprodução/Internet

Mas a boa notícia é que, na maioria dos casos, o inchaço pode ser combatido e reduzido através de mudanças simples na alimentação. Aqui estão 5 dicas para te ajudar a desinchar e se sentir mais leve:

1. Beba bastante água:

  • A água é fundamental para o bom funcionamento do organismo e ajuda a eliminar toxinas.
  • Beba pelo menos 2 litros de água por dia, distribuídos ao longo do dia.
  • Evite sucos industrializados, refrigerantes e bebidas alcoólicas, que podem desidratar o corpo e piorar o inchaço.

2. Reduza o consumo de carboidratos refinados:

  • Troque pães brancos, massas, biscoitos e doces por versões integrais.
  • Opte por arroz integral, quinoa e aveia no lugar do arroz branco.
  • Diminua o consumo de açúcar e produtos industrializados, que são ricos em carboidratos inflamatórios.

3. Consuma mais alimentos ricos em fibras:

  • As fibras ajudam a regular o intestino e melhorar a digestão, o que pode reduzir o inchaço abdominal.
  • Inclua na sua dieta frutas, legumes, verduras, grãos integrais e leguminosas.
  • Destaque para alimentos como melancia, limão, morango, couve, brócolis, lentilha e feijão.

4. Evite alimentos industrializados e processados:

  • Esses alimentos são ricos em sódio, conservantes e outros aditivos que podem causar retenção de líquidos e inchaço.
  • Opte por alimentos frescos e naturais sempre que possível.
  • Leia os rótulos dos produtos antes de comprar e evite aqueles com alto teor de sódio.

5. Consuma alimentos com propriedades anti-inflamatórias:

  • Alguns alimentos possuem propriedades anti-inflamatórias que podem ajudar a reduzir o inchaço.
  • Inclua na sua dieta gengibre, cúrcuma, tomate, azeite de oliva, peixes gordos e frutas vermelhas.

Mais dicas para um corpo livre do inchaço:

  • Consulte um médico: O inchaço pode ter diversas causas, como problemas circulatórios, hepáticos ou renais. Um médico pode te ajudar a identificar a origem do problema e te indicar o tratamento adequado.
  • Movimente-se: A prática regular de exercícios físicos é essencial para a saúde em geral, e também ajuda a eliminar o inchaço, beneficiando os sistemas circulatório, imunológico e digestivo.
  • Massagem para desinchar: A drenagem linfática pode ser uma ótima aliada no combate ao inchaço, pois melhora a circulação sanguínea e linfática, e estimula a eliminação de líquidos.

Da redação com Viva Bem 

Clique e siga as redes sociais do SeteLagoas.com.br para ficar bem informado: InstagramTwitterThreadsYouTubeTikTok e Facebook

Receba as notícias do SeteLagoas.com.br via Whatsapp AQUI

 



Publicidade

+ Saúde

Prefeitura de Sete Lagoas inaugura Vacimóvel e reforça frota de setores estratégicos da Saúde

Prefeitura de Sete Lagoas inaugura Vacimóvel e reforça frota de setores estratégicos da Saúde

O processo de melhoria contínua da saúde pública municipal envolve uma série de investimentos da Prefeitura de Sete ...

Vacinação contra a dengue é ampliado para crianças de 10 a 14 anos em Sete Lagoas

Vacinação contra a dengue é ampliado para crianças de 10 a 14 anos em Sete Lagoas

A Prefeitura de Sete Lagoas amplia, a partir desta sexta-feira, 21 de junho, a vacinação contra a dengue de crianças ...

Conheça os benefícios do Yoga e como começar a praticar

Conheça os benefícios do Yoga e como começar a praticar

Desde a redução do estresse até o aumento da força, flexibilidade e equilíbrio, o yoga pode melhorar a qualidade de...

Sete Lagoas participa de encontro estadual de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador

Sete Lagoas participa de encontro estadual de Centros de Referência em Saúde do Trabalhador

No último dia 14 de junho, a Secretaria de Saúde do Estado de Minas Gerais/SESMG, por meio da Diretoria de Vigilância...

Sete Lagoas não está mais em surto de dengue, zika e chikungunya há mais de um mês

Sete Lagoas não está mais em surto de dengue, zika e chikungunya há mais de um mês

No fim de maio, Sete Lagoas deixou, oficialmente, o quadro de epidemia de arboviroses (dengue, zika e chikungunya). Esta...

Coqueluche: Aumento drástico de casos em SP levanta alerta para Minas Gerais

Coqueluche: Aumento drástico de casos em SP levanta alerta para Minas Gerais

Os casos de coqueluche no estado de São Paulo atingiram 139 entre janeiro e início de junho de 2024, um aumento de 768...

Dores nas costas? Professor de Fisioterapia explica as causas e como prevenir

Dores nas costas? Professor de Fisioterapia explica as causas e como prevenir

Dor nas costas foi o maior motivo de afastamento do trabalho no país no ano passado. De acordo com dados do Instituto N...

Familiares e amigos pedem por doações de sangue para Maria Jose de Almeida em Sete Lagoas

Familiares e amigos pedem por doações de sangue para Maria Jose de Almeida em Sete Lagoas

Familiares e amigos de Maria Jose de Almeida Silva pedem por doações de sangue, um ato de amor nesse momento. Mais ...

Campanha de vacinação contra a poliomielite é prorrogada até 30 de junho em Sete Lagoas

Campanha de vacinação contra a poliomielite é prorrogada até 30 de junho em Sete Lagoas

A Prefeitura de Sete Lagoas, em consonância com o Ministério da Saúde, prorrogou a Campanha Nacional de Vacinação c...

Álcool é cancerígeno: veja quais são as doenças associados à bebida

Álcool é cancerígeno: veja quais são as doenças associados à bebida

A Escola de Saúde Pública de Havard, em uma publicação especializada sobre o câncer, faz um alerta para o uso de á...