Menu

Campeonato Mineiro será finalizado em BH / Coluna / Álvaro Vilaça / Tempo Esportivo

1º Tempo

Depois de muitas indefinições e a possibilidade de que o Campeonato Mineiro fosse finalizado fora da capital, a Prefeitura de Belo Horizonte autorizou a realização de jogos do Campeonato Mineiro a partir do próximo domingo, 26 de julho. Com isso, o clássico entre América e Atlético está confirmado para esta data, às 16 horas, no Independência, pela 10ª rodada. Da mesma forma, o Cruzeiro poderá mandar seu duelo com a URT para o Mineirão, no mesmo dia, às 19 horas. Por causa da pandemia do novo coronavírus, as partidas não terão a presença de público.
Com isso, Sete Lagoas, que era uma das opções para sediar os jogos do Estadual da Primeira Divisão, pelo menos a princípio, não receberá partidas na Arena do Jacaré.

Foto: Mineirão/DivulgaçãoFoto: Mineirão/Divulgação

A prefeitura de BH aceitou, em parte, o protocolo de saúde apresentado pela Federação Mineira para a realização das partidas nos estádios da capital. O documento prevê medidas preventivas para evitar o contágio do novo coronavírus. Uma das exigências extras feitas pela PBH à Federação Mineira para a liberação dos jogos é que os profissionais de imprensa escalados para a cobertura dos confrontos também devem fazer os testes da COVID-19.

A retomada do Campeonato Mineiro terá jogos no domingo e depois o encerramento da primeira fase na quarta-feira, dia 29 de julho. A Federação Mineira também já definiu que as semifinais serão disputadas nos dias 2 (domingo) e 5 de agosto (quarta-feira).

Os finalistas terão encontro na quinta-feira, 6 de agosto, para acertarem os dias dos dois confrontos que decidirão o Mineiro 2020. O Troféu Inconfidência, que contará com as participações do quinto ao oitavo colocado da primeira fase, também será realizado, porém em jogos únicos tanto na semifinal quanto na final.

O Campeonato Mineiro foi paralisado após a 9ª rodada, disputada em 14 e 15 de março. Faltando dois jogos para o encerramento da fase de classificação, o América lidera, com 21 pontos. O G4 ainda tem Tombense, com 20 pontos, Atlético, com 18, e Caldense, com 17. O Cruzeiro é o quinto, com 14. Na sequência aparecem Patrocinense - 6º, com 12; Uberlândia - 7º, com 11; URT - 8º, com 11; Boa Esporte - 9º, com 8; Coimbra - 10º, com 7; Villa Nova - 11º, com 4; e Tupynambás - 12º, com 3.

O América é o único clube assegurado na semifinal do Campeonato Mineiro. Já neste domingo poderão ser definidas as vagas para as semifinais e também os dois rebaixados para o Módulo II de 2021.

2º Tempo

A Fifa divulgou um comunicado oficial adiando para outubro o início das eliminatórias para a Copa do Mundo de 2022, no Qatar. Inicialmente prevista para começar em março, a competição vem sendo adiada sucessivamente devido à pandemia do coronavírus Covid-19.

Antes desta última prorrogação, as eliminatórias estavam previstas para terem início em setembro de 2020. Agora, a última rodada do torneio pode acontecer em janeiro de 2022, para que o calendário possa ser respeitado. Assim, o Brasil já sabe que vai estrear diante da Bolívia neste próximo mês de outubro.

A estreia do Brasil será na Arena Corinthians, em São Paulo. Inicialmente, a partida estava prevista para ser jogada na Arena Pernambuco e, posteriormente, no Maracanã. No entanto, a entidade confirmou em comunicado a alteração do local da partida para o estádio do Corinthians, que, a princípio, não terá presença de público.

Após a estreia, a seleção brasileira viaja a Lima para enfrentar o Peru.

A competição será disputada em um sistema de pontos corridos, com dez seleções participantes. Cada equipe nacional jogará com todos seus rivais duas vezes, dentro e fora de seu país. Assim, a última partida da seleção será também contra a Bolívia, provavelmente em janeiro de 2022.

A Copa do Mundo de 2022, no Catar, será disputada entre novembro e dezembro, um período diferente do convencional para mundiais de seleções, em função das condições climáticas no país do mundo árabe.

 

Antecipação de abertura da janela favorece o Galo

Faltam poucos dias para a retomada dos jogos oficiais de 2020 em Minas Gerais. Até domingo, o Galo poderá regularizar a situação documental de todos os seus reforços internacionais. A janela no Brasil está aberta até 9 de agosto (início do Brasileirão). Os jogadores Junior Alonso (Lille), Bueno (Kashima), Alan Franco (Independiente del Valle) e Keno (Pyramids), agora, poderão aparecer no BID.

Por causa da pandemia da Covid-19, a janela de transferências do Brasil estava com datas indefinidas até a semana passada. Em acordo com a CBF e a Fifa, os clubes tiveram uma "compensação" pela janela de início de ano parcialmente ter sido afetada pelo novo coronavírus. Ela irá reabrir novamente entre outubro e novembro.

O Atlético é o clube mais favorecido pela decisão de a janela ficar aberta logo em julho, uma vez que assim, Jorge Sampaoli poderá usar todos os jogadores na retomada do Campeonato Mineiro, restando apenas critérios de preparação física para decidir quem irá jogar ou não.

No caso dos quatro reforços, Bueno e Junior Alonso já treinam normalmente, tendo participado juntos do jogo-treino contra o América, justamente o adversário do final de semana. O atacante Keno, mesmo tendo sido integrado ao grupo de trabalho antes de Alonso, não esteve presente na atividade contra o Coelho e ainda busca a forma física ideal. O brasileiro, inclusive, pode demorar um pouco para aparecer no BID, uma vez que, apesar de ter sido vendido pelo Pyramids, estava com o direito federativo preso ao Al Jazira, onde esteve emprestado na última temporada árabe.

Além das quatro contratações internacionais, o Atlético também trouxe Marrony e Léo Sena, do Vasco e do Goiás, respectivamente. Por serem compras domésticas, já estão no BID desde o mês passado. Houve ainda o caso de Nathan, adquirido definitivamente junto ao Chelsea. Por estar emprestado ao Galo até junho, teve o nome publicado no BID tão logo houve o acerto de transferência com o clube inglês.

O Atlético ainda busca um goleiro e um atacante e caso essas contratações sejam efetivadas dentro desta semana, o clube também poderá utilizá-los na reta final do Campeonato Mineiro.

 

CBF divulga a tabela do Campeonato Brasileiro

A CBF divulgou a nova tabela básica da Série A do Campeonato Brasileiro. Adiado em razão da pandemia do novo coronavírus, o torneio começará no fim de semana de 8 e 9 de agosto. A competição só será finalizada em fevereiro de 2021.

Os jogos da primeira rodada, que será disputada entre 8 e 10 de agosto (uma segunda-feira), são os seguintes:

Flamengo x Atlético
Botafogo x Bahia
Palmeiras x Vasco
Santos x Bragantino
Corinthians x Atlético-GO
Grêmio x Fluminense
Sport x Ceará
Coritiba x Internacional
Fortaleza x Athletico
Goiás x São Paulo

A competição terá maratona de jogos no primeiro mês, com partidas duas vezes por semana. A única exceção é o meio de semana de 26 de agosto, reservado para a disputa dos jogos de volta da terceira fase da Copa do Brasil.

A Série B do Campeonato Brasileiro irá de 7 de agosto a 30 de janeiro, permanecendo em sistema de pontos corridos e dando acesso a quatro equipes para a Série A do ano seguinte. Na 1ª rodada (7/8, sexta, ou 8/8, sábado) o Cruzeiro vai enfrentar o Botafogo-SP em Belo Horizonte. Já o América vai a Campinas, onde jogará contra a Ponte Preta.

A Série C terá seu início conjuntamente com as Séries A e B por solicitação unânime dos clubes. A competição será disputada em 26 datas, de 9 de agosto a 31 de janeiro. Esta temporada marca a estreia do novo sistema de disputa da competição, aprovado por todos os 20 clubes participantes no Conselho Técnico de março deste ano.

A Série D tem como previsão de início em 6 de setembro e a data de 7 de fevereiro para o encerramento.

Sobre a Copa do Brasil, as 11 datas restantes da competição mais democrática do país serão disputadas entre 26 de agosto e 10 de fevereiro.

Álvaro Vilaça é formado em Comunicação Social e Marketing, apresentador de TV, ex-narrador e ex-repórter esportivo da Rádio Inconfidência de Belo Horizonte, Diretor de Programação e Coordenador de Esportes da Rádio Eldorado e do Jornal Hoje Cidade. Também é o responsável pela coluna de Esportes do Jornal Notícia e é professor de Negociação, Compras e Marketing das Faculdades Promove de Sete Lagoas. Pós-Graduado em Administração e Marketing.




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados