Menu

Adilson Batista faz críticas à FMF e CBF / Coluna / Álvaro Vilaça / Tempo Esportivo

1º Tempo

Adílson Batista tem razão em criticar a Federação Mineira de Futebol e a Confederação Brasileira de Futebol! Após o empate no último final de semana contra o Patrocinense, em Patrocínio, o treinador associou as lesões musculares dos seus jogadores à sequência de jogos, mas enalteceu a luta e entrega dos atletas. Ele também criticou a entidade máxima do futebol brasileiro por liberar um campo como o encontrado em Roraima, na semana passada, quando o clube jogou diante do São Raimundo pela Copa do Brasil, além de desaprovar a arbitragem, que segundo Adilson, colaborou com um espetáculo ruim.

Foto: Bruno Haddad/CruzeiroFoto: Bruno Haddad/Cruzeiro

De fato, o calendário de 2020 tem sido vilão para várias equipes neste início de temporada. Em pouco mais de uma semana o Cruzeiro jogou um clássico contra o América, foi a Roraima e ainda se deslocou para Patrocínio, numa logística muito complicada. A sequência teve também uma ida a Tombos, na Zona da Mata mineira, para a realização do jogo atrasado da segunda rodada do Campeonato Mineiro, contra o Tombense.

Dentro de campo o time Celeste tem vivido problemas nestes primeiros jogos do ano. Assim como foi contra o São Raimundo-RR, o Cruzeiro voltou a apresentar falhas na defesa diante do Patrocinense, perdendo muitas disputas de bola com os atacantes e, novamente, levou gol pelo alto. No lance, aliás, Cacá e Léo ficaram olhando Paulo Renê cabecear para o gol. No jogo pela Copa do Brasil, foram dois gols assim. A composição defensiva também voltou a apresentar buracos entre a linha dos dois volantes e os atacantes pouco produziram até aqui.

Adílson terá muito trabalho pela frente, nada que já não estivesse previsto, neste momento de reconstrução do clube, após o fiasco de 2019!

2º Tempo

O Atlético anunciou o retorno de Diego Tardelli na semana passada, mas sabe que o ídolo da torcida, sozinho, não resolve todas as lacunas ofensivas do elenco. Ele chega como uma alternativa para atuar como centroavante ou segundo atacante, mas o clube tem a intenção de contratar um outro jogador para o ataque, de preferência com características de velocidade, de habilidade e força pelos lados do campo. A intenção, porém, não garante que a contratação será feita. O Galo tentou uma cartada ousada no mercado ao fazer uma oferta de R$ 51 milhões por Soteldo, do Santos. A proposta gerou impacto, mas foi recusada pelo Peixe, que anunciou a renovação do venezuelano. Isso não significa que o Atlético tem R$ 50 milhões em caixa para investir em outro jogador, como podem imaginar alguns.

A proposta por Soteldo foi feita com grande suporte de investidores, os mesmos que auxiliaram o clube na negociação com Jorge Sampaoli, que também acabou no vindo para Belo Horizonte. Nos dois casos, os valores oferecidos pelo Atlético foram fora da realidade financeira atual do clube. O motivo é simples: O dinheiro viria dos cofres dos parceiros.

Os investidores queriam Soteldo, porque tinham um grande interesse neste jogador. Queriam vê-lo com a camisa do Galo e entendiam que ele poderia render uma ótima negociação no futuro. Investiram pesado nos valores oferecidos a Sampaoli porque queriam muito que aquele treinador fosse o comandante do Atlético.

Portanto, o Atlético pode, sim, fazer uma grande contratação nas próximas semanas, buscar um jogador diferenciado para o setor ofensivo, entretanto, isso depende do aval dos investidores, de uma oportunidade de mercado. Não é tão simples, talvez seja até improvável neste momento, mas dado o mistério que cerca o Atlético nos últimos anos, sobretudo após a chegada da atual diretoria, tudo pode acontecer e o que parece improvável pode não ser mais daqui a algumas horas!

 

CBF define sedes do Brasil nas Eliminatórias

A Seleção Brasileira já conhece o seu itinerário para os próximos dois anos. Serão nove jogos no Brasil e outras nove partidas fora de casa, contra os rivais sul-americanos, todos válidos pelas Eliminatórias da Copa do Mundo FIFA no Qatar. Em 2020, além das 18 rodadas classificatórias, serão realizados mais dois jogos preparatórios e a defesa do título da Copa América, competição que será disputada na Colômbia e na Argentina.

O primeiro compromisso da equipe comandada pelo técnico Tite será em março. Serão as duas primeiras rodadas das Eliminatórias com seis pontos em jogo. No Recife (PE), na Arena Pernambuco, a Seleção receberá a Bolívia, no dia 27 de março. Logo depois viaja para Lima, onde enfrentará o Peru no dia 31 do mesmo mês.

No total, a Seleção Brasileira disputará 27 pontos, de 54 possíveis, dentro de casa. Ou melhor, dentro de suas casas. Foram definidas oito diferentes cidades para receber os convocados do técnico Tite: Recife, Brasília, São Paulo, Salvador, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Manaus e Belo Horizonte. Na decisão das sedes prevaleceram os critérios técnicos, além da busca por um roteiro democrático, que atingisse todas as cinco regiões do país.

A escolha das sedes no Brasil também levou em consideração a logística de deslocamento nas cidades, tanto internamente, quanto no traslado para os outros países. Vale ressaltar que a cada Data FIFA são disputados dois jogos: um em casa e outro fora. Abaixo você confere contra quem a Seleção jogará, aonde e quando.

Brasil x Bolívia
Local: Arena Pernambuco
Data: 27/03/2020

Brasil x Venezuela
Local: Estádio Mané Garrincha
Data: 03 ou 04/09/2020

Brasil x Argentina
Local: Arena Corinthians
Data: 13/10/2020

Brasil x Equador
Local: Arena Fonte Nova
Data: 12 ou 13/11/2020

Brasil x Peru
Local: Estádio Beira-Rio
Data: 30/03/2021

Brasil x Uruguai
Local: Estádio Maracanã
Data: 08/06/2021

Brasil x Colômbia
Local: Estádio Morumbi
Data: 02/09/2021

Brasil x Paraguai
Local: Arena da Amazônia
Data: 12/10/2021

Brasil x Chile
Local: Estádio Mineirão
Data: 11/11/2021

Em meio a disputa das Eliminatórias, a Seleção Brasileira também defenderá o título de campeã da Copa América. A equipe fará sua estreia na competição no dia 14 de junho, contra a Venezuela, na cidade de Cali, na Colômbia. Depois será a vez de enfrentar o Peru, no dia 18, em Medellín. A tabela segue com duelos com o Catar (23) e a Colômbia (27), em Barranquilla, e se encerra com o confronto entre Brasil e Equador no dia 1º de julho, em Bogotá.

 

Democrata tropeça no fim e segue sem vencer no Módulo II

Ainda não foi desta vez que o Democrata conquistou o seu primeiro triunfo num jogo oficial em 2020. Uma bela cobrança de falta aos 49 minutos do segundo tempo, de Tiago Alberione, tirou do Democrata a primeira vitória no Módulo II do Campeonato Mineiro. O Jacaré vencia por 2 x 1 e, jogando melhor, foi castigado no último lance da partida. Com o primeiro ponto somado o time de Sete Lagoas figura na décima colocação da tabela à frente de Nacional de Muriaé e Betim, adversário da próxima rodada, no sábado de carnaval, mais uma vez na Arena do Jacaré.

Um grande público compareceu à Arena do Jacaré para a acompanhar o primeiro jogo do Democrata em casa no Módulo II — Foto: ReproduçãoUm grande público compareceu à Arena do Jacaré para a acompanhar o primeiro jogo do Democrata em casa no Módulo II — Foto: Reprodução

O Democrata novamente fez um bom jogo e abriu o placar com Rafinha logo aos oito minutos do primeiro tempo. Buscando o ataque e criando as melhores chances o Jacaré foi surpreendido por Oscar, aos 32, que empatou o jogo. Aos 43 minutos do primeiro tempo Heitor fez gol contra colocando o Democrata, de novo, na frente do placar.

No fim do primeiro tempo aconteceu o lance crucial da partida. Depois de cobrança de falta o autor do gol do CAP, Oscar, colocou a mão na bola dentro da área. Pênalti desperdiçado por Gleisson que chutou na trave direita do goleiro Matheus.

No segundo tempo o CAP buscou o empate e abriu espaços para que o Democrata explorasse e perdesse grandes chances em contra-ataques. Em um deles surgiu a falta que Tiago aproveitou para empatar e dar números finais à partida.

Além do empate do Democrata, os outros resultados da segunda rodada do Módulo II foram esses:

Nacional 00 x 01 Pouso Alegre
Betim 00 x 00 Mamoré
Ipatinga 01 x 01 Athletic
Tupi 01 x 02 Guarani

Segue a classificação após a primeira rodada:

A primeira fase é composta por 12 clubes, com sistema de pontos corridos em turno único, todos contra todos. Os quatro melhores colocados ao fim das 11 rodadas disputarão o quadrangular final, também no sistema de pontos corridos, mas com turno e returno. Os dois melhores colocados ao fim do quadrangular garantem o acesso à elite do estadual.

A competição segue com limite de idade de 24 anos. Cada clube pode inscrever apenas sete jogadores acima desse limite de idade. O atleta que atuar por uma equipe não poderá defender outra durante a competição.

Confira os jogos da 3ª rodada:

Quinta-feira, 20 de fevereiro:
20:15 – Nacional de Muriaé x Ipatinga – Muriaé

Sábado, 22 de fevereiro:
10:30 – Athletic x Mamoré – São João Del Rey
15:00 – Guarani x Pouso Alegre - Divinópolis
16:00 – Serranense x Tupi – Nova Serrana
16:00 – Democrata SL x Betim – Sete Lagoas

Segunda, 24 de fevereiro:
20:30 – Democrata GV x CAP de Uberlândia – Governador Valadares

Como de costume, a Rádio Eldorado de Sete Lagoas, AM 1300 KHZ, está transmitindo todos os jogos do Democrata no Módulo II. Também é possível acompanhar as partidas, programas e boletins esportivos através do aplicativo que pode ser baixado no site da emissora: www.eldorado1300.com.br.

Álvaro Vilaça é formado em Comunicação Social e Marketing, apresentador de TV, ex-narrador e ex-repórter esportivo da Rádio Inconfidência de Belo Horizonte, Diretor de Programação e Coordenador de Esportes da Rádio Eldorado e do Jornal Hoje Cidade. Também é o responsável pela coluna de Esportes do Jornal Notícia e é professor de Negociação, Compras e Marketing das Faculdades Promove de Sete Lagoas. Pós-Graduado em Administração e Marketing.




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados