Menu

Vanessa Stehling

O filme da mulher do Coringa / Coluna / Vanessa Stehling / Cultura Pop

Primeiramente, olá a todos. Segundamente, o dia de me tornar blogueirinha e ostentar com os meus “recebidos” chegou! #graçaalcançada Ganhei ingresso para ir ao Grupo Cine Sete Lagoas. Vou repetir só a palavra boa rapidinho: “ganhei”. Obrigada Grupo Cine e site SeteLagoas.com.br.

Foto: Arquivo pessoalFoto: Arquivo pessoal

Agora vamos ao que interessa: falar sobre o filme e cinema, claro.

Assisti “Aves de Rapina”, aquele com a Arlequina, a ex-namorada do Coringa versão ruim, e não a fodona que ganhou diversos Oscars. Deixa eu resumir como se fosse uma receita de bolo:

Ingredientes:
- 5 xícaras de ação estilo “James Bond”;
- 4 xícaras de lutas performáticas tipo “As Panteras”;
- Bastante narrativa explicada e diálogos. Exagere na quantidade;
- Uma pitada de atores sem sal;
- Doses de Sessão da Tarde a gosto.

Bata tudo no liquidificador e curta o momento apenas para divertir à toa e passar o tempo, e se você nunca ouviu falar sobre o universo DC ou história dos personagens do enredo, pode ir tranquilo que é sucesso.

Agora, que tal uma lista de 5 vantagens para ir no Grupo Cine Sete Lagoas?

1 – Poltronas devidamente numeradas. Roubar o lugar do coleguinha ficou no passado;
2 – Todos os filmes são dublados. Ótima oportunidade de dar uns beijinhos no seu mozão e entender o filme ao mesmo tempo;
3 – Ar-condicionado no 15º! Aquele momento de fingir que está na Europa sem sair do inferno da cidade;
4 – Tem supermercado perto. Maaass... Nada supera a pipoca com sódio no ponto de um cinema;
5 – Existem poltronas especiais no meio da sala. Chegue com antecedência e levante o braço dela. Aconchego e conforto garantido.

Por hoje é só pessoal. Até a próxima sessão.

Graduada em Publicidade e Propaganda, pós-graduada em Rádio e TV. Ilustradora, designer, metida a sinuqueira e telespectadora assídua de séries e filmes em alta velocidade.

Links patrocinados