Logo

Zema suspende decreto que proibia venda de guloseimas em escolas

O governador Romeu Zema (Novo) suspendeu o decreto estadual que proibia a comercialização de doces, balas e frituras na porta das escolas do Estado. A decisão, válida por 240 dias, foi publicada na edição desta terça-feira (25) do Minas Gerais.

Clientela. O horário de saída dos alunos, entre meio dia e 14 horas é o de maior movimento Clientela. O horário de saída dos alunos, entre meio dia e 14 horas é o de maior movimento

Um grupo de trabalho será criado para a "realização de estudos e análises sobre a aplicação do Decreto nº 47.557, de 2018, em seus aspectos econômicos e sociais, compatibilizando-os com a promoção da saúde dos alunos e a prevenção da obesidade".

Ainda segundo o decreto de Zema, essa equipe será composta por representantes das seguintes secretarias: Saúde, Educação, Desenvolvimento Econômico, Planejamento e Gestão, Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

O representante da Secretaria de Saúde será o coordenador do grupo de trabalho, que terá um prazo de 180 dias para apresentar ao governador um relatório com os estudos e análises sobre o tema.

Com Super Notícia




Publicidade
Publicidade

© Copyright 2008 - 2019 SeteLagoas.com.br - Powered by Golbe Networks