Menu

Mineirinho é concedido à iniciativa privada e terá novo dono por 35 anos

O ginásio do Mineirinho, localizado na região da Pampulha, em Belo Horizonte, será concedido à iniciativa privada pelos próximos 35 anos. O vencedor do processo de concessão é o consórcio DMDL/Progen, o mesmo que assumiu a operação do estádio Pacaembu, em São Paulo, em 2019, que deu lance de pouco mais de R$ 103 mil para assinar o contrato.

Foto: Renato Cobucci/Imprensa MGFoto: Renato Cobucci/Imprensa MG

Conforme as regras aprovadas, o consórcio deverá investir R$ 132 milhões enquanto o contrato estiver em vigor, sendo que R$ 41 milhões serão investidos nos prímeiros anos, principalmente em reformas.

Em discurso após bater o martelo, o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Fernando Marcato, disse que o Governo de Minas economizará cerca de R$ 4 milhões ao ano ao ceder o ginásio à iniciativa privada.

Já os representantes do consórcio DMDL/Progen afirmaram que pretendem colocar mais eventos esportivos e shows para serem sediados no Mineirinho e que a tradicional Feira do Mineirinho deve continuar no local.

Em janeiro deste ano, o Governo de Minas já havia tentado conceder o ginásio à iniciativa privada, mas não houve interessados. À época, o edital previa lance mínimo de R$ 1 milhão, mas, dessa vez, foi reduzido para menos de R$ 4 mil para atrair eventuais interessados. O lance vencedor foi de R$ 103.620,84, um ágio de 2.792%.

Com Itatiaia



Publicidade

Links patrocinados MGID