Menu

Campanha de Vacinação contra a Gripe termina nesta sexta

Na semana em que chega ao fim a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, a  Secretaria Municipal de Saúde divulgou mais uma parcial sobre a cobertura vacinal no município. Até o dia 07 de junho, foram aplicadas 39.146 doses da vacina na população, atingindo a meta global estabelecida pelo Governo Federal de imunizar 90% do público alvo, que inclui crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias de pós-parto), idosos, profissionais da saúde e professores das redes pública e particular.

Secretaria de Saúde de Sete Lagoas/ Foto: GoogleMapsSecretaria de Saúde de Sete Lagoas/ Foto: GoogleMaps

No entanto, o boletim aponta que a meta ainda não foi alcançada em dois públicos. Entre as crianças, o percentual atingido até o momento é de 81,67% e entre as gestantes, 69,98%. Até o momento foram vacinados 97,84% de idosos, 90,20% de profissionais da saúde, 95,00% entre as puérperas e 92,04% de professores, totalizando em 90,95%.

REAÇÕES E CONTRAINDICAÇÕES

Após a imunização, a vacina contra a gripe pode causar algumas reações comuns, como dor, edema e calor no local da aplicação que costumam durar até três dias, febre e dor no corpo, além de reações parecidas com resfriado como coriza, rouquidão e tosse. Segundo Guilherme Abreu Menezes, referência técnica de imunização, a vacina não causa gripe, uma vez que ela é produzida com o vírus morto.

As contraindicações da vacina são para pessoas que possuem reação alérgica grave ao ovo de galinha, reação alérgica a algum componente da vacina (cloreto de sódio; cloreto de potássio; fosfato de potássio monobásico; fosfato de sódio dibásico di-hidratado; cloreto de magnésio hexa-hidratado; cloreto de cálcio di-hidratado e água para injetáveis). Também é contraindicado para pessoas com febre por motivo desconhecido, que mesmas devem esperar a melhora para se vacinar.

Com SMS

 

 

Campanha de Vacinação contra a Gripe termina nesta sexta

Na semana em que chega ao fim a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe, a  Secretaria Municipal de Saúde divulgou mais uma parcial sobre a cobertura vacinal no município. Até o dia 07 de junho, foram aplicadas 39.146 doses da vacina na população, atingindo a meta global estabelecida pelo Governo Federal de imunizar 90% do público alvo, que inclui crianças maiores de seis meses e menores de cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias de pós-parto), idosos, profissionais da saúde e professores das redes pública e particular.

No entanto, o boletim aponta que a meta ainda não foi alcançada em dois públicos. Entre as crianças, o percentual atingido até o momento é de 81,67% e entre as gestantes, 69,98%. Até o momento foram vacinados 97,84% de idosos, 90,20% de profissionais da saúde, 95,00% entre as puérperas e 92,04% de professores, totalizando em 90,95%.

REAÇÕES E CONTRAINDICAÇÕES

Após a imunização, a vacina contra a gripe pode causar algumas reações comuns, como dor, edema e calor no local da aplicação que costumam durar até três dias, febre e dor no corpo, além de reações parecidas com resfriado como coriza, rouquidão e tosse. Segundo Guilherme Abreu Menezes, referência técnica de imunização, a vacina não causa gripe, uma vez que ela é produzida com o vírus morto.

As contraindicações da vacina são para pessoas que possuem reação alérgica grave ao ovo de galinha, reação alérgica a algum componente da vacina (cloreto de sódio; cloreto de potássio; fosfato de potássio monobásico; fosfato de sódio dibásico di-hidratado; cloreto de magnésio hexa-hidratado; cloreto de cálcio di-hidratado e água para injetáveis). Também é contraindicado para pessoas com febre por motivo desconhecido, que mesmas devem esperar a melhora para se vacinar.

 




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados