Menu

Médias de público de Atlético e Cruzeiro na Série A não encheriam ginásio do Mineirinho

Dois dos clubes mais populares do Brasil, Atlético e Cruzeiro estão longe de arrastar multidões para os estádios neste Campeonato Brasileiro. Galo e Raposa, que se valem das alcunhas "Paixão do Povo" e "Time do Povo", respectivamente, encontram dificuldade para atrair o grande público.

Galo e Raposa encontram dificuldade para atrair público no Brasileiro / Foto: Alexandre Alliatti Galo e Raposa encontram dificuldade para atrair público no Brasileiro / Foto: Alexandre Alliatti

Ambos fizeram seis jogos em casa neste Nacional. Enquanto o clube alvinegro tem média de 12.466 torcedores, a equipe celeste, 11.798. As médias dos rivais no Brasileiro não encheriam nem o Mineirinho, cuja capacidade foi de pouco mais de 14 mil torcedores na final da Superliga Masculina de Vôlei neste ano.

É bem verdade que as campanhas estão decepcionando, mas isso não justifica números tão pequenos de torcedores. O Cruzeiro está em sétimo lugar, com 17 pontos, ao passo que o Galo está na nona posição, também com 17 pontos.

A média de preços, que poderia ser uma justificativa plausível para os estádios vazios, não é das maiores. Flamengo, Palmeiras, Corinhtians e Grêmio, por exemplo, têm preços de ingressos bem mais elevados.

Na ponta do Brasileiro, o Corinthians é o líder de público, com média de 36 mil torcedores por jogo. O Timão arrastou mais de 40 mil pagantes em três jogos (São Paulo, Botafogo e Santos).

Os jogos dos mineiros estão longe dos confrontos de maior público. A partida entre Grêmio 0 x 1 Corinthians, com 50.116 pagantes, foi a que levou mais torcedores ao estádio.

O maior público do Galo ocorreu no jogo contra o Cruzeiro (15.408). Vale ressaltar que o Atlético joga em um estádio menor. O Independência comporta 23 mil torcedores. Já o Cruzeiro levou mais pagantes na partida contra o Grêmio. Foram 17.250 torcedores.

Por causa de públicos pequenos, Atlético e Cruzeiro chegaram a fechar determinadas áreas do Independência e do Mineirão em alguns jogos do Brasileiro. 

Boletins financeiros 
Nos boletins financeiros divulgados pelo Atlético, o número total representa o público presente. É preciso fazer algumas reduções para se encontrar o público pagante, retirando do total gratuídades, convênio, serviços e autoridades. Já o Cruzeiro apresenta a diferenciação entre pagante e presentes, mas é preciso também fazer as deduções de gratuidades.


Atlético - média 12.466 público pagante
Atlético 1 x 2 Fluminense - 13.476
Atlético 2 x 2 Ponte Preta - 16.305 
Atlético 1 x 0 Avaí - 10.614
Atlético 0 x 1 Atlético-PR - 9.082
Atlético 2 x 2 Sport - 9.914
Atlético 3 x 1 Cruzeiro - 15.408


Cruzeiro - média de 11.798 público pagante 
Cruzeiro 1 x 0 São Paulo - 6.444
Cruzeiro 0 x 2 Chapecoense - 13.290
Cruzeiro 2 x 0 Atlético-GO - 7.156
Cruzeiro 3 x 3 Grêmio - 17.250
Cruzeiro 2 x 0 Coritiba - 11.658
Cruzeiro 3 x 1 Palmeiras - 14.993


Da Redação com Super Esportes



Publicidade
Publicidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar