Menu

Autoridades e população participam de audiência pública sobre a Estrada Velha

A audiência pública sobre a duplicação e privatização da MG 424 aconteceu nesta segunda-feira (20) no auditório da Associação Comercial e Industrial de Sete Lagoas (ACI).

A reunião contou com a presença do secretário de Estado de Transportes e Obras Públicas, Murilo Valadares, deputado estadual Douglas Melo, do prefeito Leone Maciel e do presidente da ACI Flávio Fonseca.

Foto Wagner AugustoFoto Wagner Augusto

Foi discutida nessa audiência a programação de como serão realizadas as obras na rodovia que liga Sete Lagoas à Belo Horizonte.

Segundo Murilo Valadares a previsão de duração da obra será de seis anos e a MG 424 terá duas praças de pedágio: uma em Prudente de Morais e outra em Pedro Leopoldo.

Também foi apresentado melhorias para a via : será construído uma espécie de anel viário na cidades de Prudente de Morais e Matozinhos. Com isso os carros não precisarão trafegar dentro das cidades, o que evitará a concentração de fluxo de veículos.

Estão previstos recapeamento da via, abertura de acostamentos, entre outros. Na reunião foi definido que o valor do pedágio será R$ 3,78 em Pedro Leopoldo e R$ 2,60 em Prudente de Morais.

Durante os meses de novembro e dezembro serão realizadas outras audiências publicas nas cidades que cortam a Estrada Velha. No fim de 2017 será publicado o edital da parceria público- privada e a homologação e início das obras será 2018.

 Da redação




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados