Menu

Corretor é assassinado em Matozinhos; suspeito confessa crime

Um grave assassinato chocou os moradores de Matozinhos na tarde/noite desta terça-feira (17). Um homem esfaqueou um corretor de imóveis no bairro Florestal por conta de uma ameaça. José Antônio, mais conhecido como “Cebola” faleceu no pronto socorro do Hospital Risoleta Neves, em Belo Horizonte.

Foto ilustrativa: http://www.noraldinojunior.com.br/Foto ilustrativa: http://www.noraldinojunior.com.br/

Toda a ação aconteceu na terça. Segunda a Delegacia de Matozinhos, que apura o ocorrido, o principal suspeito, de sigla G.M. (21 anos), relatou que teria sido ameaçado por 'Cebola' quando passava na rua.

O autor relata que o corretor o ameaçou por conta de um suposto furto que teria acontecido em sua casa no mês de maio, levando cerca de R$ 450 mil. Então, G.M. teria ido até a sua casa, e se armado com uma faca e um facão.

O homem teve a ajuda de um comparsa, que também foi até o local da imobiliária onde José Antônio é proprietário para conversar com o corretor, para garantir que ele não fugisse da ação. Então, G.M. esfaqueou-o, e os dois fugiram em sequência.

Gravemente ferido, “Cebola” foi levado para o pronto atendimento de Matozinhos, sendo transferido para o HPS do Risoleta Neves, na capital, onde acabou falecendo.

As Polícias Civil e Militar apresentaram no início da tarde desta quarta-feira (18) G.M., preso no bairro Estação. Segundo a Civil, ele confessou o crime. Agora, os agentes procuram o segundo suspeito, ainda foragido.

Da redação



Publicidade
Publicidade

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar