Menu

Coluna / Michael Andrade / + Tecnologia / O que esperar da tecnologia em 2019

O ano de 2019 chegou e a tecnologia já tem um grande desafio pela frente. Cada vez mais pessoas estão conectadas à rede mundial de computadores, pessoas utilizam mais seus smartphones e a internet, ou NET para os íntimos, está entrelaçada em nossas decisões. Se você vai a algum lugar hoje, pesquisa na internet sobre horários, avaliações e cardápio deste lugar nas redes sociais. Se precisa comprar uma roupa ou ver novas tendências de moda, basta um clique. Se for comprar aquele smartphone novinho depois do seu cair e trincar a tela, lá está ela a rede mundial de computadores prontinha para lhe proporcionar viagens pelo mundo afora. Vejamos agora o que esperar da tecnologia em 2019.

Foto: Reprodução InternetFoto: Reprodução Internet

Creio que com a crescente demanda na utilização de smartphones, eles serão os que receberão maiores atenção neste ano. Estejamos prontos para receber cada vez mais telas utilizáveis na parte frontal do aparelho. Também pode ser provável que os primeiros smartphones comerciais, com telas dobráveis, possam ser adquiridos em lojas de varejo.

Com relação aos sistemas operacionais, as versões dos Androis, IO’s nos seus smartphones e o Windows do seu notebook devem vir com opções que te ajudem a “conviver” melhor com a tecnologia, monitorando sua rotina e lhe informando se você usa excessivamente um aparelho ou não. Sim pessoal, estamos usando demais os nossos smartphones e há uma preocupação das empresas de software em torno deste assunto. Já tem até um nome para ela, o Digital WellBeing ou bem está digita. Já escrevi sobre isso na coluna. Relembre AQUI.

Teremos carros autônomos com tecnologias IA’s mais avançadas. Carros elétricos também terão sua vez, com melhores tecnologias de recarga e talvez preços mais acessíveis. Por falar em IA’s, creio que elas estarão cada vez mais presentes em nossos dispositivos, auxiliando o processamento e ajudando você a tomar uma decisão. No fim do ano passado, o termo já estava sendo utilizado em processamento de fotos em flagchips da Samsung, Apple e Xiaomi. Não posso deixar de falar da Xiaomi, em especial, grande fabricante chinesa que chega praticando preços agressivos e com aparelhos ótimos. Isso reflete diretamente no mercado.

Na data de criação desta matéria, de acordo com a revista TIME, as ações da Apple caíram na primeira semana do ano com o anuncio de Tim Cook ,CEO da empresa, onde informa que as vendas dos Iphones da linha X foi abaixo do esperado. Foi-se o tempo que a empresa conseguia passar uma experiência de uso extraordinário e único para seus clientes. Não discuto aqui o fato de que os Iphone’s são superiores ou não, mas sim a capacidade das outras empresas chegarem perto do que a empresa da maçã oferece com um preço mais justo.

No ano de 2019, as plataformas digitais de série e filmes ganharam ainda mais força em cima da antiga mídia. Youtube, Instagram, Twitter e etc, terão ainda mais influência nas pessoas e quando alguém quiser vender ou comprar algum item, irão procurar as redes sociais e não mais as propagandas nas TVs.

Será também o ano em que os modelos financeiros começarão a mudar. Bancos tradicionais com longas filas e gerentes que querem sempre lhe emprestar um dinheiro a juros abusivos começam a desmoronar. Bancos digitais como NUBANK, INTER E NEXT vão crescer e atender a demandas daqueles que não querem pagar por taxas abusivas e precisam de praticidade no dia a dia.

Será um ano de afirmação para a tecnologia no mundo. E quem tem que aproveitar isso tudo somos nós consumidores.

Para ver mais sobre o assunto, clique no vídeo abaixo e veja na integra um vídeo que fiz no meu canal do Youtube. Um ótimo início de ano para vocês!




Fonte: Ações Aple - Revista Time



Casado, profissional de TI, fundador do canal MICHAEL ANDRADE no Youtube. Trabalha na área de TI deste 2007. Formado em Sistemas de Informação. Amante de Tecnologia. Gosta de jogos eletrônicos e dedica algum tempo livre a Steam ao som de um bom Rock and Roll. Atleta de fim de semana nunca dispensa um futebol com os amigos. Adora seus animais de estimação. Trabalhou por 5 anos na Stefanini Solutions e hoje faz parte da equipe da Brennand Cimentos em Sete Lagoas.