Menu

'Nosso Estranho Amor' inicia última semana da 3ª Campanha de Popularização do Teatro de Sete Lagoas

A 3ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança de Sete Lagoas chega a sua reta final neste fim de semana. Nesta quinta-feira (13), às 20h, a Preqaria Cia de Teatro apresenta o premiado espetáculo "Nosso Estranho Amor". A apresentação marca o retorno da peça, que estreou há mais de dez anos e tem no currículo críticas elogiosas, prêmios e que já passou por seis estados brasileiros.

Espetáculo "Nosso Estranho Amor" — Foto: Junio SouzaEspetáculo "Nosso Estranho Amor" — Foto: Junio Souza

Realizado com recursos do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz 2008, "Nosso Estranho Amor" é uma livre adaptação do enredo da novela "Primeiro Amor", de Samuel Beckett. Por cadeias de situações simples e pequenos diálogos cotidianos, a peça constrói uma fábula contemporânea sobre um dos sentimentos primordiais do homem como ser social: o amor, o absurdo que há no amor entre um homem e uma mulher.

A maior parte das palavras ditas na peça vieram de poemas do livro inédito "Clichês e Flores", do ator e dramaturgo João Valadares, que antes havia publicado "Hipoteca", pela Anome Livros. Em uma brincadeira com as canções de Caetano Veloso executadas ao vivo pelo violonista Paulinho do Boi e a violinista Thaianne Guimarães, o texto da atriz Piera Rodrigues é, em parte, retirado das letras de músicas do compositor baiano, como se a mulher encontrasse paralelo entre o homem por quem se apaixonou e os personagens das canções que tanto gosta.

A iluminação de Felipe Cosse e Juliano Coelho busca encobrir o que está fora e descobrir o que está dentro, deixando para o público a percepção de atmosfera intimista a partir do espaço cênico proposto pelo cenógrafo Luiz Dias. "As pessoas normais, as pessoas que não são estranhas, elas dizem, elas olham nos olhos umas das outras e dizem: Eu te amo! Mas este não é o caso dos personagens. Trata-se de pessoas que se apaixonam em situações extremas, personagens que se definem pelo que perderam, pelo que na têm, pelo que lhes falta", destaca o diretor e ator João Valadares.

Valores

Ingressos a R$ 20 (inteira) na bilheteria do teatro e R$ 10 nos postos do Sinparc e no site vaaoteatromg.com.br. Em Sete Lagoas, no Limão de Gravata (R. Plácido de Castro, 155, Centro. Tel: (31) 3773-3795, das 8h às 19h). Patrocínio de Cimento Nacional e apoio da Gellak, CCB Contabilidade, Padaria Galdina, Churrascaria Três Marias e Limão de Gravata. A produção local é da Preqaria Cia de Teatro. Realização do Sinparc, Governo de Minas e Ministério da Cultura.

Críticas — O que já foi dito sobre o espetáculo:

“Nosso Estranho Amor tem a marca do diretor Cláudio Dias: delicadeza que não se cansa de surpreender. Dramaturgia sofisticada e poética de João Valadares e atuação madura do autor e sua partner Fabiana Loyola completam a engrenagem que faz desse trabalho um encontro que brinda o público com momento de rara sensibilidade”.
Janaina Cunha Melo – Jornal Estado de Minas

“O quarto texto do dramaturgo mineiro João Valadares mostra que ele tem uma carreira grande pela frente. Sob ótima direção de Cláudio Dias, João e Fabiana Loyola contam a história de um amor pouco convencional, mas nem por isso menos emocionante. Protagonizam uma das mais belas e poéticas cenas de sexo que já vi no teatro brasileiro”.
Miguel Arcanjo Prado – Folha de São Paulo - SP

“A inconstância entre amar e renegar. Tanto desespero, por vezes torna-se absurdo, provocando risos na platéia”.
Michele Bravos – Jornal de Maringá - SC

“Com apenas 27 anos, Valadares se destaca como um dos fortes nomes da dramaturgia mineira”
Diogo Cavazotti – Folha de Londrina - SC

“O texto falado pela atriz é em parte retirado das letras e músicas do compositor baiano, como se a mulher encontrasse paralelo entre o homem por quem se apaixonou e as personagens das canções que tanto gosta”.
Cultura – Jornal de Brasília - DF

“O grande tema desse espetáculo vencedor do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz de 2008 é o amor, por mais absurdo que seja”.
Annalice Del Vecchio – Jornal Gazeta do Povo de Curitiba -PR

“Tanto ‘Aqueles Dois’ quanto ‘Nosso Estranho Amor’ chama a atenção da crítica e do público por retratarem relacionamentos inesperados e aparentemente inusitados”.
Cynthia Oliveira – Jornal Hoje em Dia - MG

“A música ‘Nosso Estranho Amor’ de Caetano Veloso dá nome ao espetáculo e ganha vida através de um violino e um violão, enquanto é cantarolada pela personagem... Através do seu canto, ela expressa seus sentimentos e tenta privar o seu amado daquilo que o incomoda”.
Michele Bravos – Jornal de Maringá SC

Serviço

Espetáculo: NOSSO ESTRANHO AMOR
Evento: 3ª Campanha de Popularização do Teatro e da Dança de Sete Lagoas
Direção: Cláudio Dias
Dramaturgia: João Valadares
Elenco: João Valadares e Piera Rodrigues
Relização: Preqaria Cia de Teatro
Classificação: 12 anos
Local: Centro Cultural Nacional Teatro Preqaria (Rua Aleixo Lanza, 41, Canaã, Sete Lagoas/MG)
Informações: (31) 3771-8460 / 9859-6518
Data: 13 de fevereiro 2020
Horário: 20h

Com Marcelo Sander




Publicidade
Publicidade

Links patrocinados