Menu

Racionalização de Água / Coluna / Pedro Machado / Meio Ambiente

Como estamos no período de estiagem, resolvi postar esse conteúdo sobre a importância da racionalização de água. Racionar o uso da água não significa ficar sem ela, significa usá-la sem desperdício. Considerá-la uma prioridade social e ambiental, para que a água tratada e saudável nunca falte em nossas torneiras.

Foto ilustrativa/Reprodução: InternetFoto ilustrativa/Reprodução: Internet

No Brasil, a distribuição da água não é uniforme. Na região Amazônica se concentra mais de 40% do volume de água doce, enquanto no Nordeste, muitos municípios enfrentam o problema da falta de água.

A falta de água é um somatório de fatores; primeiramente é a questão da distribuição; em segundo lugar, a concentração de propriedades próximas às nascentes e por último, o uso de forma inadequada. O gasto de água é elevado e poderia ser reduzidos pela aplicação de alguns métodos de uso racional.

Algumas dicas para racionalização da água:

1- Reutilize a água liberada pela máquina de lavar
2- Pare de usar a mangueira para lavar áreas externas e o carro
3-Diminua o tempo do banho
4- Feche a torneira enquanto escova os dentes
5- Use menos água na hora de cozinhar
6- Utilize arejador nas torneiras

Pequenos cuidados fazem muita diferença na conta e na minimização do desperdício.

Devemos visar o uso racional da água no cotidiano através de iniciativas que tenham como objetivo reduzir o seu consumo e estimular a adoção de novas atitudes e comportamentos. A população deve pensar e agir visando o crescimento econômico e respeitando a capacidade dos recursos do meio ambiente, sobretudo a água.

Pedro Machado trabalha na área da qualidade e meio ambiente no setor siderúrgico. É graduado em Engenharia Ambiental (UNIFEMM) e atualmente está no último semestre de Engenharia Química (UNIFEMM). Possui certificação Lean Seis Sigma – Yellow Belt.
Instagram Profissional: @pedromachado.eng
Email: pedromachado.mg@gmail.com





Publicidade

Links patrocinados